O Erro (Amores Improváveis #02) - Elle Kennedy

18 janeiro, 2017


Logan parece viver uma vida de sonhos. Com um talento incrível para jogar hóquei e um charme inato para conquistar mulheres, ele é uma das maiores estrelas da universidade de Briar. Mas por trás do característico sorriso maroto, ele esconde duas grandes angústias – a primeira, estar apaixonado pela namorada de seu melhor amigo. A segunda, saber que sua vida, após a formatura, se tornará um beco sem saída. 
Um dia, por acaso, ele conhece Grace, uma garota tão encantadora quanto intrigante. Tudo nela parece ser original e deliciosamente contraditório – tímida, mas ao mesmo tempo vibrante. Doce, mas ao mesmo tempo forte e confiante. A cada encontro, Logan se vê mais e mais envolvido. Mas um grande erro colocará o relacionamento desses dois jovens em risco. 
Agora, Logan terá que se esforçar para reconquistar Grace – nem que para isso ele precise amadurecer e encarar de frente as suas questões mais profundas e doloridas.


Depois da história de Garrett, é a vez de Logan, um de seus melhores amigos, se apaixonar.

Logan está enrascado, simples assim. Apesar de ter a vida que muito adolescente gostaria - é um astro na faculdade, joga hóquei, tem boa aparência - desde que Garrett, um de seus melhores amigos, começou a namorar com Hannah, a vida de Logan deu um loop, porque, de repente, ele percebeu que também estava apaixonado por essa garota.

Conviver com o casalzinho passou a ser um martírio ao ponto de Logan mergulhar em bebidas e mulheres, e evitar qualquer festa que Garrett e Hannah também estejam. Em busca de festas alternativas, Logan acaba - por engano - batendo à porta do dormitório de Grace onde, supostamente, haveria uma festa. Apesar de ser um jeito estranho de se conhecerem, logo de cara Grace e Logan se dão muito bem a ponto de surgir ali uma amizade. Só amizade. Seu coração pertence a outra, além do mais assim que Logan se formar todo o glamour da faculdade vai ficar para trás para dar lugar a uma vida meio miserável - um destino do qual ele sabe que não pode escapar.

“Mas a família vem em primeiro lugar, e eu dei minha palavra. Não posso voltar atrás agora, não importa quão tentador seja.”

Quanto mais tempo passam juntos, inevitável que sentimentos mais profundos aflorem, e é quando Logan põe tudo a perder. Ironicamente a garota pelo qual Logan estragou tudo é a mesma que pode ajudá-lo a enxergar as coisas com clareza, e quem sabe assim corrigir o grande erro que cometeu.

"Você é a última pessoa em que penso antes de ir dormir e a primeira em que penso quando abro os olhos de manhã."

Simplesmente impossível de largar!

No primeiro livro da série Amores Improváveis os protagonistas conseguiram me cativar intensamente, mas com Logan e Grace foi ainda mais intensa a história. Apesar de toda a fachada de herói do hóquei, Logan esconde de todos o seu passado e sabe que mais cedo ou mais tarde terá que retornar para o mesmo buraco de onde saiu e aceitar o seu destino - o que mostra que a história é mais profunda do que o clichê inicial te permite julgar.

Esses livros cujo enredo se passa na faculdade ou no ensino médio já veem com um pré-julgamento de que será mais um grande clichê; mas Elle Kennedy consegue fugir disso ao dar profundidade aos seus personagens e um contexto mais intenso por trás da história. A questão com Logan não é apenas estar apaixonado pela namorada do melhor amigo, vai além para explorar o impacto disso na amizade deles e, mais ainda, o que esses sentimentos realmente significam.

Não posso contar muito para não correr o risco de soltar um spoiler muito grande aqui, mas acredito que O Erro é tão viciante e tão capaz de cativar o leitor justamente pelos sentimentos de Logan, que garanto que todo mundo já sentiu uma vez na vida.

"Pertencimento. É a única forma de descrever a onda de sensações que me invade. Seus lábios pertencem aos meus"

Quem nunca buscou nem desejou isso que jogue a primeira pedra.

"A voz é da minha consciência, tentando me impedir de cometer um grave erro. Então, por que não a ouço? Por que eu não consigo...?"

Confesso que fiquei mais focada no Logan porque me identifiquei muito com os sentimentos dele já no início do livro, mas Grace também é uma personagem formidável.

Ela é caloura na faculdade e vive às sombras de sua melhor amiga de infância, uma garota que além de ser completamente o seu oposto, não parece disposta a mudar, pelo contrário, quer tornar Grace um pouco mais parecida com ela ao arrastá-la para festas de fraternidade, para jogos e after party em busca de destaque e popularidade na faculdade. Algo que Grace não tem o menor interesse, mas, após conhecer Logan, um lado um pouco mais atrevido e despreocupado - que deveria existir em cada garota de faculdade (para aproveitar os últimos "dias" antes da vida adulta te derrubar) - desperta em Grace e é como ver a borboleta florescer com o amadurecimento dela durante a história.

Irresistível, cativante, empolgante. Principalmente, crível. O Erro vai além dos clichês supérfluos para mergulhar em personagens profundos e levantar discussões que todo jovem um dia já teve consigo mesmo: o que você deseja? Mais do que uma história de amor entre Logan e Grace, é uma história de descobertas do próprio Logan para encontrar um jeito de ter as rédeas do seu próprio futuro, e de Grace para descobrir quem quer ser de verdade - sem ser moldada pelos desejos de outra pessoa.

Simplesmente apaixonante.

“Os próximos anos provavelmente vão ser como se eu estivesse vagando num túnel escuro, mas no fim dele existe uma luz. Enquanto você estiver comigo, vai existir uma luz dentro dele também. Sem você, seria só escuridão.”

Com erotismo e sedução na medida certa, é apenas impossível largar esse livro!

2 comentários:

  1. Thays!
    Bom ver um romance com erotismo e romance na medida certa.
    Pelo visto o Erro acabou dando certo e proporcionando um romance bem crível e delicioso de ser lido.
    Semaninha De muita luz e paz!
    “Existe apenas um bem, o saber, e apenas um mal, a ignorância.” (Sócrates)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  2. Culpada hahahahahaha
    Acho o tema bad boy/nerd meio batido, apesar de as resenhas da série serem super batidas, mas confesso que o mocinho gostar da namorada do melhor amigo me chamou bastante atenção.

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo