Veneno (Signos do Amor #04) - Mia Sheridan

01 setembro, 2016

Cada livro da coleção Signos do Amor é inspirado nas características de um signo do Zodíaco. Esta história se baseia na mitologia de Escorpião e fala sobre os acasos da vida.
Grace Hamilton tem 23 anos e é estudante de direito. Após as dificuldades enfrentadas na infância, ela faz de tudo para não decepcionar o pai, segue todas as regras, é dedicada e cheia de planos. Porém, após viajar para uma conferência de direito em Las Vegas e conhecer Carson Stinger, ela começa a repensar a vida.
Sexy e impulsivo, Carson é um ator que gosta de curtir o momento e nunca se apegou a ninguém. Mas isso muda quando seu caminho cruza com o de Grace, uma universitária certinha e diferente de todas as mulheres que ele já conheceu.
Ao longo de um fim de semana inesquecível, eles superam os próprios preconceitos e se entregam ao desejo. Pela primeira vez na vida, Grace se permite quebrar as regras e Carson se deixa envolver de verdade. Quando se despedem, nenhum dos dois é mais o mesmo, mas ambos têm certeza de que jamais voltarão a se ver.
Contudo, anos depois eles estão de novo frente a frente: ele, apoiando o amigo acusado de homicídio; ela, sendo a promotora encarregada do caso. Mais uma vez a chama da paixão se acende em Carson e Grace e as circunstâncias parecem afastá-los. Se a vida nem sempre pode ser planejada, será que o acaso conseguirá ajudá-los a ficar juntos?


Aos 23 aos Grace Hamilton já tem em mente como será o seu futuro: ela vai namorar mais um rapaz, então conhecerá seu futuro marido, já na área profissional, será uma grande advogada no ramo empresarial. Carreira e relacionamento sólido, um futuro estável.
E seus planos iam muito bem até um final de semana em Vegas.

"Perca o controle, baby. Apenas um fim de semana. Deixe-me assumir o comando. Eu vou cuidar bem de você, eu prometo.''

Na cidade para uma conferência do curso de direito, Grace esbarra acidentalmente em Carson Stinger, um ator pornô que está no mesmo hotel para uma conferência (completamente oposta àquela que Grace participa). A atração é instantânea, mas os dois seguem seu caminho... até se cruzarem de novo. Incapaz de resistir a todas as tentativas de Carson, Grace mergulha de cabeça em um final de semana cheio de aventuras - não apenas sexuais - e nos braços desse estranho que é completamente oposto a ela, pela primeira vez Grace se entrega e se permite ser como realmente é, não apenas a filha perfeita que seu pai espera que seja.
Para Carson a situação não é muito diferente. Mergulhado numa carreira que o deixa infeliz, é entre beijos, amassos e conversas com Grace que ele se dá conta pela primeira vez de que precisa ser mais, de que quer ser alguém diferente.
Quando o final de semana acaba chega a hora de cada seguir seu caminho de volta para casa (em cantos opostos do país), com a certeza de que nunca mais irão se ver, mas tudo que foi dito e vivido nesse fim de semana os acompanha para o resto da vida.
Por causa desse fim de semana Grace larga a monotonia do direito empresarial para se dedicar aos casos criminais como promotora; enquanto Carson toma medidas drásticas para levar uma vida melhor. Tudo se encaixa para que, anos depois, eles voltem a estar no mesmo lugar, novamente em Vegas.

"Eu realmente, realmente gosto de como você me faz sentir - como se você olha para mim todos os dias, do jeito que você está me olhando agora, eu poderia fazer qualquer coisa, ser qualquer coisa, ser mais''

Apesar de cada livro dessa série ser independente, sempre penso que a autora não pode se superar, e ela vai e me surpreende. "Veneno" foi uma surpresa desde o início, apesar de começar com um clichê de amor a primeira vista em Las Vegas, envolvendo uma menina boazinha e um bad-boy, os dois personagens mostraram ter muito conteúdo e esses capítulos foram fundamentais para construção de toda a história.
Como vem mostrando nos outros livros, a autora guia seus personagens para explorar lugares e situações que não são comuns de encontrar na literatura jovem atualmente, a começar por um ator pornô! 
Essa história de amor à primeira vista pode parecer um pouco forçada para aqueles que estão de fora, mas as mudanças que geram na vida de cada um deles em decorrência desse final de semana foi o que fez eu me apaixonar pelo livro. É o ápice do romantismo e da melação, eu sei, mas não posso deixar de me apaixonar por eles. A força e profundidade do amor narrado aqui mostra como o amor realmente desperta o melhor dentro de cada um, o que faz eles darem uma guinada na vida e reconstruir seus futuros com base no que eles realmente querem ser e fazer.
Cada capítulo guarda uma surpresa atrás da outra, de forma que apesar de torcer pelos "mocinhos" é imprevisível como eles vão conseguir ficar juntos - por isso devorei uma página depois da outra e quando acabou fiquei com uma sensação de vazio que poucos livros me despertaram.

6 comentários:

  1. Estou querendo muito ler esse livro. Li todos os outros da série que foram lançados aqui, e gostei muito deles. E acho que também vou gostar bastante desse! É uma pena que o começo seja clichê. Mas estou morrendo de vontade ler, e super curiosa para saber o que são essas surpresas.
    E me apaixonei por essa capa <3

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Não conhecia esta série ainda, e lendo apenas a sinopse pensei que se tratava de apenas mais um clichê. Ainda bem que li a resenha, pois eu estava julgando sem saber e com certeza ia perder um livro ótimo. Muito boa sua resenha.

    ResponderExcluir
  3. Oi.
    Gostei sua resenha, mas sinceramente o único livro da série que li foi A voz de Archer, na época li em inglês e me apaixonei é simplesmente maravilhoso, não me interessei por nenhum outro da série até veneno, quero muito conferir essa leitura, gostei da peculiariedade do mocinho, irei ler com certeza.
    Boa tarde.

    ResponderExcluir
  4. A coisa do ator porno foi o que mais chamou atenção. Em um livro assim...acho que nunca vi. Aí tem graça porque é uma coisa que não esperava e foge um pouco do clichê. Tem clichê no começo, essa ideia de amor assim é quase forçado, mas acho que ela soube escrever bem e fazer cada personagem ir crescendo ao longo da história, mudando, e o clichê chega a ser irrelevante no fim das contas.
    Estou animada com essa série. Gostei dela e pretendo ler.

    ResponderExcluir
  5. Levei um sustinho quando li "ator pornô" hahahahaha
    Tinha deixado essa série de lado após umas resenhas, que achei fracas, e no começo da resenha deste já fiz cara feia "poxa, mocinha boazinha e bad boy de novo?!", mas gostei do que li. O fim de semana em Las Vegas foi um divisor de águas para os dois, mesmo que anos depois ainda estejam em lados opostos.

    ResponderExcluir
  6. Oi? Pela capa eu já imaginei que era um romance mais sexy, mas o mocinho/bad boy ser ator pornô me surpreendeu hahaha No início achei meio 50 tons de cinza, então não me interessou muito não... O que achei que pode ser que torne mais interessante é eles se encontrarem depois em lados opostos.

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo