Você Para Sempre (Trilogia Forever #02) - Sandi Lynn

05 julho, 2016



A vida de Connor Black é a sua empresa e seu uso de múltiplos mulheres e nunca o amor, relacionamentos ou uma vida de conto de fadas. Emocionalmente morto e danificado, resultado de uma tragédia pessoal, Connor jurou nunca mais amar ou se apaixonar por uma mulher, até que Ellery Lane, entrou na sua vida por acaso e o mudou para sempre. Ele começa a experimentar sentimentos e emoções que nunca sentiu antes. Você leu a jornada com Connor e Ellery e como seu amor, coragem e força foi posta à prova. Você assistiu seus mundos se unirem através dos olhos de Elley em Forever Black. Agora é hora de fazer a viagem através dos olhos de Connor.






Connor Black se tornou CEO da empresa de sua família muito jovem, e em pouco tempo conseguiu expandir os negócios para levá-lo um patamar acima, incluindo-o nas listas de homens mais ricos do mundo. Mas sua concentração para os negócios tem uma razão de ser: ele não tem dramas com as mulheres, então pode se concentrar completamente em como ficar ainda mais rico.

Sua convicção de que é incapaz de amar uma mulher surgiu no fim da adolescência, quando uma grande tragédia com uma ex-namorada o encheu de culpa para o resto da vida, assim, Connor mantém casos sem sentimento com mulheres aleatórias apenas para sua satisfação pessoal.
Até o dia em que Ellery Lane entra em sua vida.

Ela desperta sentimentos que ele desconhecia e muda as prioridades que ele tinha tão bem traçadas para o seu futuro (e o seu tempo), transformando-o de um CEO poderoso à um ombro amigo quando Ellery precisa.

A proximidade da relação entre eles mais do que despertar novos sentimentos, alimenta uma grande química que os leva a se entregarem de corpo e alma, no entanto Connor ainda é assombrado por alguns fantasmas de seu passado, e Ellery tem seus próprios segredos que busca bem escondido. Será preciso, então, que encontrem uma forma de lidar com seus próprios problemas para poderem se completar nos braços um do outro.


Em Black Para Sempre foi Ellery quem contou sua história e a forma como surgiu o romance entre ela e Connor, agora chegou a vez dele contar a sua versão dos fatos. A história começa antes da noite em que ele conheceu Ellery e vai além do final do primeiro livro, com partes em que ela retoma a narração, para mostrar o futuro do romance deles.

Quem leu a resenha do primeiro livro que saiu aqui no blog sabe que achei que a história já tinha sido bem concluída no epílogo, mas com esse livro na estante acabei não me contendo e fui descobrir o que a autora ainda reservava para esse casal.

Em alguns pontos minha visão dessa trilogia melhorou, afinal a vida de Connor é um pouco mais interessante que a de Ellery, pois agora mostra como lida com seus traumas e a origem deles, além de ter um mistério relacionado com um de seus negócios em Chicago (um pouco previsível, confesso) que torna as coisas mais empolgantes. Além de todo o drama presente na história, além do romance, a autora incluiu um pouco de mistério.

No entanto, tudo que me desgradou no primeiro livro permanece nesse livro: a história é superficial, principalmente nas cenas que já aconteceram no livro um, Connor, na sua narração, só passa por cima dos fatos; não tem profundidade de sentimentos, e o apelo erótico que a série deveria possuir é bem fraco, sem falar nas tiradas machistas de Connor que dão vontade de bater na cara dele - e sua bipolaridade, porque muda de ideia tão rápido que até parece mulher - ah, e não posso esquecer das cenas de ciúmes de Ellery, realmente representa uma parte da população feminina, mas só me dá vergonha alheia.

Rendi-me a leitura por ter o livro e ser uma leitura rápida, o livro não possui muitas páginas e a fonte é de um tamanho bom, que não deixa a leitura ser cansativa. Mas, apesar da capa romântica e atraente, a história continuou não sendo atraente para mim.

5 comentários:

  1. Oi Thais, apesar de achar as capas dessa trilogia lindas, não me encantei pela história, acho que pela falta de novidade, afinal são tantos livros que retratam um CEO atormentado que tem sua redenção no amor que a autora tem que escrever uma história muito boa pra me prender. Sobre esse livro em especial, confesso que não curto muitos livros que fazem uma releitura sob a visão de outro personagem, prefiro quando a narração a dupla, mas vc disse que a autora incluiu coisas novas antes do romance e depois do felizes pra sempre né, assim acho que isso deve ser um ponto positivo, é uma pena a história ser superficial pra ti afinal ainda tem um terceiro livro rs

    ResponderExcluir
  2. Vi algumas coisas legais deles, mas acho que a maioria gosta mais do último...
    Parece que o livro 1 e 2 podiam ter sido condensados em um só. A trama é bem fraquinha pelo jeito e não acho que leria. Ah, desanimou. Mesmo quando vi falando bem dessas histórias não deu muita vontade de ler. Vai ler esse último? Talvez compense tudo como dizem fazer e feche bem a história.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou, por pura curiosidade de como acaba mesmo!

      Excluir
  3. Queria muito a série, mas me desiludi após ler suas resenhas. Mas, independente do que foi dito, eu gosto das perspectivas masculinas, e aí bateu aquela mega curiosidade hahahahaha
    Nem sei o que Connor disse, quais foram as tiradas machistas, mas já fiquei com vontade de dar uns tapas na cara dele tbm.

    ResponderExcluir
  4. Dessa série, me interessei apenas pelo terceiro livro, os dois primeiros são daqueles típicos eróticos que o pegador se apaixona.

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo