Proibido (Proibido #01) - Carlie Ferrer

13 julho, 2016



O que você faria se se apaixonasse pelo ex da sua melhor amiga?

Julia e Diana são amigas de infância, mas a mudança para a cidade grande transformou Diana em uma desconhecida. Quando Julia se muda para a casa da amiga, o inesperado acontece, ela se apaixona justamente pelo recente ex namorado da amiga. Julia tenta negar o que sente a todo custo, mas Erick está disposto a tudo e mais um pouco para conquistar a amada. Mas será que Erick não quer apenas usar Julia para se vingar das traições de Diana? E Julia será capaz de arriscar uma amizade da vida toda para viver seu amor? 





Julia e Diana cresceram juntas e sempre foram melhores amigas, mas quando a época do vestibular chegou elas tiveram que se separar. Diana foi para a capital e Julia continuou no interior, mas ambas sabiam que seria por pouco tempo, logo Julia ingressa na faculdade e vai morar com Diana.
Ingênua, ela imaginava uma vida perfeita junto com a melhor amiga, ambas desbravando a cidade grande, mas ao chegar lá quem a recepciona é uma Diana muito diferente daquela que conheceu. Vulgar, Diana deixou para trás todos os trajeitos de menina do interior para se tornar uma grande vadia - que, a seu ver, era o desejo e a inveja de todas as pessoas na faculdade. Com festas regadas a música alta, drogas e muito sexo, Julia logo percebe que aquele não é o seu lugar, afinal ela não age assim nem consegue imaginar o que leva alguém a agir dessa forma, com tanta promiscuidade a troco de nada; ainda mais quando conhece Erick, o ex de Diana e por quem ela continua apaixonada.
Basta um olhar para o amor surgir entre Julia e Erick, mas além de errado, é proibido, afinal ela jamais faria isso com sua melhor amiga.

Em uma versão mais curta e mais juvenil de "o noivo da minha melhor amiga", Julia luta com o dilema de magoar a melhor amiga ao se apaixonar por quem ela ama, ou se magoar por não estar com o seu grande amor. Até esse ponto tudo bem. Mas Diana logo mostra que é uma vaca mesmo, sabotando Julia como forma de pequenas vinganças enquanto pensa em como conseguir Erick de volta, o pior é que Julia não só cai em todos os truques da "amiga" como também se culpa por toda a situação.
Detalhe: Diana já o traiu diversas vezes, inclusive Erick já havia posto um fim em tudo antes de se conhecerem, mas Diana continua cega por ele, sua ideia é se divertir com todos os caras possíveis e depois casar com Erick, e claro que Julia aparecer muda o rumo de tudo isso.
A falta de atitude de Julia para encarar a melhor amiga me incomodou um pouco, ela é uma típica "mocinha" dos romances, mas podia ter um pouco mais de fibra para defender um possível relacionamento.
O que me incomodou mesmo na leitura foram alguns pontos que a meu ver ficaram soltos (quem não quer possíveis spoilers, não leia!): em determinado momento Diana dá leite para Julia beber em tese com algum remédio, outra pessoa bebe e nada acontece, então cadê o grande drama/problema?! Outro, Julia sofre um acidente, algumas cenas Erick a trata como uma inválida, mas no momento seguinte é como se ela estivesse cento e cinquenta por cento bem.
Ah, esse é o livro com a personagem mais bipolar da história. Diana quer ser a vilã para reconquistar Erick e por isso apronta várias coisas com Julia, sua melhor amiga, mas muitas dessas coisas ou ela só conta ou ainda pede desculpas depois, o que não dura, claro, porque no instante seguinte ela volta a ser uma pé-no-saco que quer estragar tudo.
São detalhes, mas em um livro tão curto não dá tempo do leitor "esquecer" disso nem indagar o que aconteceu. Outras cenas poderiam ter sido mais detalhadas ou melhor exploradas, afinal é bom o poder de síntese, mas é melhor pecar pelo excesso que pela falta.
Fora isso, a autora aborda um clichê mas agrega cenas próprias e diferentes que o tornam mais empolgante e atraente. Uma leitura muito rápida, boa para começar e já terminar na mesma pegada.

3 comentários:

  1. Eu sou muito racional e acho que é por isso que não curto NAs e todos esses dramas. Ex é ex, se terminou um relacionamento não tem pq ficar ponderando se foi namorado da amiga. Se vc gosta, vai, minha filha!
    Na verdade, não tenho muita paciência hahahahahaha

    ResponderExcluir
  2. Gente, que coisa. Estava vendo esse livro na internet e uma amiga da minha irmã viu eu procurando sobre ele e falou que leu e gostou muito. Deu até uma certa curiosidade agora pra ver como é.

    ResponderExcluir
  3. É muito clichê, mas não deixa de ser interessante, porque é uma situação complicada que sempre aguça a curiosidade.

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo