Indomada (House of Night #04) - P. C. Cast e Kristin Cast

23 fevereiro, 2016

ATENÇÃO! Contém spoilers dos outros livros da série House of Night.


No quarto volume da série House of Night, Zoey descobre como a vida se complica quando seus amigos estão furiosos com você. Basta perguntar a ela, pois se tornou uma especialista no assunto. Mas mesmo rejeitada, ela não os culpa, sabe que é apenas uma consequência de seus próprios atos.

Neste quarto livro da série House of Night, Aphrodite tem novas visões sangrentas, que incluem uma grande guerra entre vampiros e humanos, liderada por Neferet, e a morte de Zoey. As mudanças ocorrem tão rápido que parece que toda a lógica desapareceu do mundo. Lealdades são testadas, mentiras serão reveladas, e um antigo mal será despertado. Zoey sente que deveria mudar o curso das coisas, mas ninguém parece ouvi-la.




Depois de Zoey ter destruído todas as relações que já possuiu, esse livro começa com ela brigada com todos os demais elementos do seu círculo, e os efeitos que isso acarreta para o seu mundo; ironicamente a única pessoa que está ao seu lado é Aphrodite - sim, a "menina malvada" dos primeiros livros é a única que atura Zoey até o momento.
Ainda que tenha havido uma confusão, Zoey logo explica tudo que aconteceu e a amizade é restabelecida, mas só isso não é suficiente para deter as visões que Aphrodite tem do futuro: ela prevê a morte de Zoey e um futuro apocalíptico para o mundo vampiro, com uma guerra entre eles e os humanos. Como heroína da história, Zoey empenha todos os seus esforços em mudar essa situação, mas pode acarretar outras consequências que colocam ainda mais em risco toda a Morada da Noite... É, a escola está mais ameaçada a cada dia e conforme os dias passam o lugar parece ficar menos seguro, já que o perigo habita o seu interior.
Para piorar, Neferet continua a agir de forma estranha e só piora depois que o seu queridinho Stark chega à Morada da Noite, trazendo ainda mais segredos e pronto para se juntar ao clube de adoradores e protetores de Zoey, o que seria um ótimo acréscimo ao grupo de Zoey e seus escudeiros, se pudessem confiar plenamente em Stark.


Todos os fatores que me fizeram desgostar da série continuam nesse livro, inclusive de forma mais acentuada. Antes uma confissão: comecei a ler essa série na mesma época em que li Crepúsculo, estava uma febre por histórias de vampiros e a premissa tão diferente da série House of Night chamou minha atenção, e apesar de terem enredos completamente diferentes, um grande problema permanece em ambos: a personagem principal!
Apesar de Aphrodite ser pintada como má no início da série, a cada livro ela ganha mais espaço e destaque, e começa a mostrar que todo o seu "mau caráter" é, na verdade, uma fachada, uma forma de conservar sua independência e se manter distante dos outros.
Zoey, por outro lado, parecia ingênua ao chegar a Morada da Noite, mas a cada capítulo ela se transforma mais e mais - para pior. Ainda que permaneça fiel aos seus amigos, são tantos problemas e segredos que ameaçam sua amizade com os demais, e em relação aos homens, é uma novela sem fim! Todos a amam e ela ama a todos, simplesmente não consegue se decidir, o que a toda cada vez mais irritante.
Esse livro foi o começo do fim, e isso não significa que estamos chegando ao último livro da série (porque são 12!), significa que é nesse livro que as autoras perdem o rumo do que estavam escrevendo e tudo vem ladeira abaixo. A princípio a ideia de vampiros e desse mundo coexistindo com a "vida real" tornava a história interessante, tinha um diferencial que poderia destacá-la no ramo, mas a sensação que tive durante a leitura desse livro foi que, a cada capítulo que passava, a ideia das autoras se encaminhava para uma forma em que pudessem alargar o máximo possível da história, e no percurso acabaram perdendo o prumo, infelizmente.

10 comentários:

  1. Eu quis mto essa série desde o início, mas, quando dei por mim, sei lá, 8 livros já tinham sido publicados. Isso e a legião que desgosta da personagem principal me fizeram desistir de vez dos livros. Quanto mais resenhas leio mais sei que fiz bem em desistir.

    ResponderExcluir
  2. Puts, 12 livros! Haja enredo pra tantas páginas. Acho isso uma falta de respeito, ficar "enchendo linguiça" numa série só pra ganhar mais dinheiro.

    ResponderExcluir
  3. Não li a resenha ,pois no momento quero ler a série ,e n gosto de spoilers .
    Essa série sempre me deixa en dúvida ,em alguns momentos quero ler e em outros não .

    ResponderExcluir
  4. Conheço a série e sei do que se tratar embora eu adore vampiros, não sei se leria os livros da série, gostei da resenha, pena que pelo jeito o livro não seja bom.

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Já vi muito essa serie mas ainda não li o primeiro livro e ela parece ser interessante mas por ser muitos livros acabo ficando sem querer ler pois estou lendo muitas series e parece que ao longo das serie os livros vão decepcionando !!

    ResponderExcluir
  6. Eu ia ler quando estava naquela febre de crepúsculo, mas por sorte vi resenhas e me livrei. Sério, esse negócio não parece que iria funcionar pra mim. Destaque pra protagonista que ninguém parece curtir.
    Gostei da ideia da série, parecia ser boa. Mas pelo jeito você acaba se irritando mais que gostando :S

    ResponderExcluir
  7. Ainda não li os outros volumes, porquê não me interessei mesmo, mas pelo que você disse a série parece ser muito boa. E tem varias pessoas que gostam, mas pra mim, não tem muito jeito, não gosto mesmo, alem de ter vários volumes, o que também não gosto.

    ResponderExcluir
  8. Serio eu gosto do enredo da historia e tal, mas ao ver o tamanho da serie eu desanimo de ler, mas enfim, parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
  9. Já tinha ouvido bastante gente falando dessa série e só comentários positivos e fiquei em sérias dúvidas se lia ou não. Mas depois da sua resenha, já me decidir: é não! Já não gosto de quando a "mocinha" não se decidi, quando ,seriamente, quase todos sabem quem ela vai escolher, isso seriamente me irrita :/

    ResponderExcluir
  10. Gente eu tô aqui boiando na resenha pq não sei NADA sobre a série e não li livro nenhum. Eu sei bem como é essa coisa de ação só no final. Fallen é assim, mas nesse caso eu achei a ação que teve bem sem graça. Espero um dia ler e gostar bastante.

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo