Confissão - Paula Pimenta

20 setembro, 2015




"Confissão” foi o primeiro livro lançado por Paula Pimenta, em 2001, e encontrava-se esgotado há vários anos. A obra, que apresenta poemas escritos pela autora desde a sua adolescência, agora recebe uma nova edição, pela editora Gutenberg. Paula ampliou um pouco o livro original, acrescentando alguns novos poemas e incluindo alguns que anteriormente havia “emprestado” para os seus personagens Fani, de Fazendo meu filme, e o Rodrigo, de Minha vida fora de série. 






Para as leitoras que estão acostumadas a ler os livros de ficção da autora nacional Paula Pimenta, a Gutenberg trouxe um novo segmento: poemas. A autora sempre falou o quanto gostava de escrever poemas desde a adolescência, esse inclusive foi o start de Paula na vida de escritora com o lançamento de Confissão há mais de dez anos atrás.
Conforme o sucesso da autora aumentou no país a curiosidade sobre esse livro aumentou também, e agora a Gutenberg veio satisfazer os fãs relançando esse livro com alguns poemas inéditos - e outros que fãs das suas histórias já conhecem, por fazer parte do acervo de Rodrigo e de Fani.
Com poemas sobre os mais variados assuntos, vem agradar todos os gostos. O livro trás pouco mais de setenta poemas que tratam sobre amores não correspondidos, paixões platônicas, términos, saudade, angústia, nostalgia, alguns são divertidos, tem ainda poemas sobre amizades e até um para o irmão da Paula. São dos mais variados assuntos e formatos, de rimas a prosas, a autora se manteve fiel no seu propósito e teve muito êxito ao confeccionar esse livro.
A editora soube caprichar na diagramação e deixar o livro ainda mais especial. Apesar de ter poucas páginas, proporcionou uma leitura gostosa, por vezes divertida, em que, através dos poemas é possível se ver na situação, seja um coração partido ou um dia alegre, de tão impecável e sentimental é a escrita da autora.
Apesar de eu não ser a maior fã de poemas, confesso que esse livro soube me cativar e, no fim, foi uma leitura deliciosa e especial!


Mas o bom de ter uma parte nossa no papel é isto: poder recordar um pouco do que nos tornou quem somos no presente.” 

10 comentários:

  1. As vezes gosto de ler poemas para fugir da minha zona de conforto, e sempre me deparo com escritas maravilhosas. Não tinha o conhecimento desse livro de Paula Pimenta, mas assim que terminei a leitura, sabia que teria de adicionar em minha lista de leitura. Gostei de saber que abordam diversos assuntos e sei que encontrarei algum que irei me identificar.
    Abçs!!

    ResponderExcluir
  2. Sempre adorei ler poesia então quando soube deste livro tive bastante interesse, mas nuncas o achava. Adorei esta novidade em relação a esta nova edição, sem dúvida vou querer conferir!E esta capa é um mimo a parte....

    ResponderExcluir
  3. Posso falar que não gosto de poemas? São floreios demais e acho isso maçante.
    Mas é inegável o talento de alguém que possa escrever algo do tipo.

    ResponderExcluir
  4. não curto muito ler livros de poesias e nem poemas mas até que achei interessante o livro, alem do mais é de uma autora nacional. coisa que eu adoro.

    ResponderExcluir
  5. Oie
    Poemas não é comigo mas como a Paula é uma ótima escritora acho que vale a pena dar uma conferida nesse livro.O clima das histórias parecem ser todos leves e de fácil entendimento.Ainda bem que a editora fez esse relançamento.

    ResponderExcluir
  6. Eu não leio poemas e poesias, infelizmente não consigo gostar de livros assim.
    Vou indicar esse livro a minha irmã ela é muito fã da Paula Pimenta, ela vai adorar saber dessa nova edição.

    ResponderExcluir
  7. Confissão não é um livro tão desejado por mim quanto os muitos outros da Paula Pimenta. Mas, tenho que confessar que poemas são sempre bem vindos à reflexão e, com Confissão não seria diferente, me encantei pelo livro.

    ResponderExcluir
  8. Eu não consigo gostar de livros de poesia e poema. Acho tão bonito quem gosta e as entender.
    Os fãs da Paula Pimenta devem ter adorado essa noticia. :)

    ResponderExcluir
  9. Eu não sou muito fã de poesia e nunca li nenhuma obra de Paula Pimenta então acho que deixarei essa dica passar. Mas falarei desse livro para minha irmã que gosto da autora.

    ResponderExcluir
  10. Não gosto muito de poemas, mas sempre é bom pra espairecer a alma literária.

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo