Dulce Amargo - Dulce María

16 junho, 2015



Neste emocionante livro, a cantora mexicana Dulce Maria abre o coração para compartilhar suas composições com os fãs e traz à tona uma série de recordações. Dulce Maria obteve fama mundial com a novela Rebelde (2004), ao interpretar a indomável Roberta Pardo. De grande visibilidade internacional, participou também da banda RBD, até seu término, em 2008. Agora, ela volta mais apaixonada do que nunca, trazendo aos leitores os escritos de seu passado, expressando sentimentos conflituosos e dividindo pensamentos sonhadores com os fãs.








Através das páginas desse livro Dulce María mostra aos fãs outro lado seu, um lado sentimental, poético, por vezes nostálgico. Por anos acompanhei a carreira da Dulce, um pouco antes do sucesso do Rebelde e nas novelas que vieram depois, e nesse período foi possível ver diversas facetas dela como atriz e cantora, mas são nas palavras que Dulce revela seu lado mais profundo e intenso.
Dulce Amargo, como ela mesma descreve, reúne escritos que foram e fazem parte de quem ela é, e agora compartilha com os fãs. A primeira edição foi lançada em 2008, mas na época não chegou ao Brasil; agora, com textos inéditos, os fãs finalmente podem desfrutar de suas palavras, e um texto é mais tocante que o outro.

"Se um dia você voltar, só vai achar as ruínas de um amor que abandonou ainda com vida..."

Por reunir diversos poemas, um ou outro acaba sendo sempre mais intenso, mais profundo, mas no geral todos têm a sua beleza. Poemas de amor, amor romântico, amor vivido, amor perdido, amor próprio e amor roubado. Com palavras simples ela cativa e toca o leitor.
A diagramação do livro torna o trabalho ainda mais bonito, desde a capa, muito melhor que a original, ao detalhe contido dentro de cada página, cada poema ganha um fundo que condiz com o tema, com as palavras, e deixam o livro mais íntimo, menos impessoal. Único.

[...] Mas pare já de chorar, minha lua, tomara que as minhas palavras consigam ser ouvidas na tua crosta branca, porque eu sei que vai chegar o dia no qual o sol, por fim, vai te ver, e ficará paralisado com a tua beleza e plenitude, e a noite se alongará porque o sol estará ocupado olhando para sua incondicional namorada, que sempre esteve sozinha, refletindo sobre o mundo... E é de se admirar que, com tanta dor, sua luz não tenha se apagado... doce ironia é que quem mais a faz sofrer é quem a faz brilhar....

8 comentários:

  1. Olá
    eu adoro a cantora e adorei esse livro ele é realmente muito bom principalmente
    para quem é fã mesmo da cantora,
    Bjks

    ResponderExcluir
  2. Eu li o Dulce Amargo poesias e achei o livro de uma sensibilidade incrível! A Dulce trouxe um pouco dos seus sentimentos gerais e isso é muito bom quando se trata de celebridades as quais nós não temos "muito acesso", por assim dizer!

    ResponderExcluir
  3. Quero muito ler esse livro, adoro a Dulce desde Rebelde (confesso que assisto até hoje hahaha) e estou muito curiosa para saber sobre suas histórias e pensamentos.

    Beijos :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  4. entao nunca fui fã de nenhum dos integrantes da banda rebelde e mesmo que o livro se trate de poemas coisa que eu tambem nao sou fã acho que nao leria, mas espero que quem leia goste.

    ResponderExcluir
  5. Impossível não falar que estas pessoas marcaram minha adolescência. Muito bacana o lançamento deste livro, foi ela é uma pessoa que sempre correspondeu o carinho de seus fãs. Não seria um livro que compraria, mas ainda sim, muito bacana poder conferir tua resenha.

    ResponderExcluir
  6. Cheguei a ver alguns capítulos esporádicos das novelas as quais ela atuou, mas nunca cheguei a ser fã dela. Fiquei até surpreso ao saber desse lado escritura/poetisa dela. Certeza que os fãs vão adorar esse livro.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  7. Nunca fui fã do grupo, nunca parei pra assistir a novela, mas confesso que gostava das músicas e até me arriscava a cantar algumas hahahahahaha
    Acho legal quando procuram algo diferente pra fazer e não ficar estigmatizado como ex-RBD ou o que quer que seja pq deve ser difícil ser reconhecido por um único trabalho mesmo que tenho tenha aberto todas as portas possíveis.

    ResponderExcluir
  8. Deve ser bem mais íntimo e profundo do que uma autobiografia. Gostei do trecho destacado, realmente, mais um talento que a Dulce tem.

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo