Segredos de um Pecador (Rothwells Brothers #04) - Madeline Hunter

05 maio, 2015


Leona Montgomery foi criada na China. Com pai inglês e mãe portuguesa, aprendeu desde cedo a se adaptar aos costumes de outras terras e adquiriu uma cultura e uma sofisticação incomuns às mulheres de seu tempo. Por isso, quando o pai, já viúvo, morreu, deixando os dois filhos em uma situação financeira difícil, Leona assumiu os cuidados do irmão caçula e os negócios da família. Trabalhando pela recuperação da Montgomery & Tavares, ela viajou por diversos países, negociou com homens rudes e enfrentou piratas. Recém-chegada a Londres, agora espera fechar parcerias comerciais e dar sequência a uma investigação que o pai não pôde concluir. Mas estar em Londres significa algo mais. 
Sete anos atrás, Edmund, um naturalista inglês, deixou Macau à noite, depois de um beijo de despedida que Leona nunca esqueceu, e retornou à Inglaterra. O que Leona não poderia imaginar era que Edmund na verdade é Christian Rothwell, o marquês de Easterbrook, um homem poderoso envolto em mistérios – e que talvez se beneficiasse com o fim das investigações de seu pai. Dividida entre o dever e a tentação, é na cama do marquês que ela fará suas maiores descobertas.



O excêntrico marquês de Easterbrook foi retratado até agora como um homem recluso, preocupado com seus próprios assuntos, um homem que não se importa com as reuniões sociais, não comparece a bailes tampouco está interessado em encontrar uma esposa e dar continuidade ao seu legado. Mas quando uma visitante se retira de sua mansão, ele mal pôde vê-la, mas foi o suficiente para saber que a única mulher que alguma vez já o perturbou.

Leona Montgomery é uma mestiça que cresceu na China e sempre acompanhou o pai. Depois que ele faleceu, recaiu sobre ela o peso de dar continuidade aos negócios. Porém o tráfico de ópio está cada vez maior na China e tem causado grandes danos ao comércio, e isso a atrai até Londres para tentar formar relações comerciais e salvar o negócio da família.
Como marquês arrogante que é, Christian Rothwell não pede, ele exige. É assim que consegue que Leona seja levada até sua casa, e depois desse momento, Christian é capaz de qualquer coisa para mantê-la por perto, inclusive revelar quem era ele quando a conheceu sete anos atrás.
Só que Leona não está em Londres por negócios, ela tem uma missão pessoal para limpar o nome de seu pai, e essa missão pode custar sua vida. Agora Christian está dividido entre ajudá-la para depois vê-la partir, ou mandá-la embora antes que os homens a quem ela persegue consigam destrui-la.

Apesar de amar romances de época e gostar muito das histórias da Madeline Hunter, ela nunca foi minha favorita. Até agora. Christian Rothwell é um personagem que ficou sempre em segundo plano nos outros livros, despertando a curiosidade do leitor para a sua própria história, e ela é tão rica que não dá vontade de parar de ler.
Christian carrega o que chama de maldição, ele tem uma sensibilidade maior aos sentimentos dos outros, então ainda que pareça algo pequeno, em grandes multidões pode ser um inferno. Enquanto Leona se destaca por mais do que ser uma mestiça, ela tem personalidade forte e se destaca por seus ideais.
Com uma narrativa envolvente o último livro da série Rothwell Brothers trás mistério e suspense do início ao fim, o que torna impossível largar o livro antes da última página!


10 comentários:

  1. Oiiê!!
    Já vi algumas resenhas desse livro, mas seria uma pedida para mim
    não sou muito fã de livros desse gênero e talvez não irei gostar muito
    desse
    Bjks

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Gosto dos romances de época, são ricos em cenários.
    Fiquei curiosa por saber o que Christian irá fazer para ajudar Leona que por sinal é uma protagonista forte, exótica e linda pelo que li.
    Desejo uma semana de concretizações pessoais!
    "Nada levamos.Nada guardamos. Somente teus bens espirituais permanecem."(Maria Tereza costa lira.)
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Não conheço a série, mas Leona deve ser uma ótima protagonista. Gosto muito quando o personagem principal é assim forte e destemida.

    ResponderExcluir
  4. eu ainda nao li nenhum livro da serie os rothwells mas quero muito pois adoro livros de epoca, ele me encantam, ja li os bridgertons, os hathaways e que sao bem legais, espero ler agora essa serie.

    ResponderExcluir
  5. Não li esse livro mais pelo que pude ver na blogosfera ele não é tão bom como os outros lançados pela editora. Acho que o Christian não conquista tanto né?

    P.S. Fiquei curiosa pra saber o que é ópio... :)

    Beijos
    http://ventoliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Eu não gosto de romances de época, mas tipo... esse tem mistério? *0* Uuhh, fiquei tentado! Aliás, aa capas dessa série já são bem atrativas :3

    Bjs! Adorei a resenha ^^

    Leitura Silenciosa | Blog | FanPage

    ResponderExcluir
  7. Esta série eu infelizmente ainda não comecei, mas farei isso logo, logo.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  8. To numa vibe de romances de época, mas Madeline meio que me decepcionou um pouco em comparação com autoras como Julia Quinn e Lisa Kleypas. Livros lentos, onde as situações demoram séculos pra se desenvolverem e senti falta de um pouco de humor, enquanto Julia e Lisa me fazem gargalhar logo na primeira página.

    ResponderExcluir
  9. A Madeline Hunter é, realmente, uma das autoras menos badaladas desses romamces de época lançados pela Arqueiro. Mas é bom ver que ela fechou essa série com chave de ouro. Como gosto de umas pitadas de mistérios, certeza que já vou olhar para essa série com outros olhos.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  10. Oi! Gosto muito de romances de época, são capazes de me conduzir a tempos que eu nem sonhava em existir. Esse romance tem tudo para ser bom, a mocinha e tão destemida que, com certeza, em partes da trama podemos temer por a segurança dela, principalmente por ela persegui pessoas que podem machuca-la. O mocinho poderia até ser lembrado como um homem frio, mas apenas antes de conhecê-la, está evidente a química entre eles.

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo