Top Ten Wednesday #22 - Autoras que inspiram!

11 março, 2015

Adaptação do Top Ten Tuesday, um meme semanal hospedado pelo blog The Broke and The Bookish 
O Top Ten de hoje é mais que especial! No último dia 8 foi o dia internacional da mulher, e resolvi reunir aqui para vocês o nome de dez autoras (foi difícil escolher só dez!) que nos orgulham de sermoes mulheres, nos inspiram e fazem um mundo melhor. Ou melhor, um Brasil melhor, porque resolvi escolher só autoras nacionais!



1. Bianca Briones
Quem acompanha a Bianca Briones nas redes sociais sabe que ela trilhou seu caminho ao estrelato, mas não foi fácil. Desde a publicação do seu primeiro livro de forma independente ao sucesso que ela está fazendo na Editora Verus, muita água rolou, muita coisa boa, mas também muitas coisas tristes, mas ela nunca desistiu e hoje o seu sonho se tornou realidade.
Formada em Letras, podemos encontrar seu trabalho em traduções também!



2. Babi Dewet
Formada em cinema, professora no curso Raion, fã de McFly e de histórias de terror, sempre digo que o trabalho da Babi abriu muito espaço na blogosfera e no mercado nacional para as autoras. Ela começou escrevendo uma fanfic (Sábado à Noite) baseada nos seus ídolos, o McFly. O sucesso foi tanto que ela resolveu arriscar: adaptou sua própria história para personagens originais, leu e releu um trilhão de vezes para deixar tudo impecável e lançar de forma independente. O destino não poderia ser outro: a Babi fechou contrato com a Editora Generale e lançou a trilogia completa!


3. Paula Pimenta
Quem já foi a algum evento da Paula, ou leu alguma entrevista, sabe como ela sempre foi apaixonada por escrever, e tinha o sonho de levar as suas palavras para todos os lados. Ela começou a cursar jornalismo, se formou em publicidade e partiu para Londres, para estudar Escrita Criativa. Seu primeiro livro, Confissões, foi lançado há mais de dez anos graças ao seu pai, que bancou a impressão, mas esse foi apenas o primeiro passo na carreira da Paula. Depois de escrever Fazendo Meu Filme 1, partiu em busca de uma editora que confiasse no seu trabalho e no seu desejo de continuar escrevendo mais e mais. Uma editora ofereceu publicar, mas ela teria de bancar as impressões, não era isso que ela queria então deixou guardadinho mais um tempo e continuou a procura. Quando a Gutenberg deu uma chance ao livro, foi um sonho que se tornou realidade, e ela vive esse sonho todos os dias, na Gutenberg, na Galera Record e em terras estrangeiras, já que Fazendo meu Filme foi traduzido para o espanhol e para o português de Portugal!


4. Carina Rissi
Outra brasileira de fibra! A Carina nasceu e hoje vive em Ariranha, no interior de São Paulo, tem uma filha que adora mais que tudo e um marido super-parceiro; têm pânico de avião e é um sucesso no Brasil. A Carina também começou publicando seu livro, Perdida, em uma editora pequena, a Baraúna, e o sucesso foi enorme. Tiragens e tiragens vendidas, muitos autógrafos na Bienal do Livro, e logo a Verus adquiriu os direitos de seus livros. Com três lançados pela Verus, um saindo do forno na próxima semana, e publicada até na Alemanha, a autora está ganhando cada vez mais espaço - e mais fãs - no mercado editorial. Seu sucesso é tanto que até os direitos de Perdida já foram adquiridos para se tornar um filme!


5. Bruna Vieira
O sucesso da Bruna se deu de forma um pouquinho diferente: através de um blog. Ela criou o Depois dos Quinze depois de ter o coração partido, porque achava que a internet era o único lugar onde poderia desabafar, os anos foram passando, ela continuou a postar crônicas, contos, falar de moda, de livros, de viagens, e aos poucos seus sonhos foram se tornando realidade. Ela ganhou um concurso e foi para Paris, cresceu, se mudou para São Paulo e publicou vários livros.
Apesar de admirar o trabalho da Bruna, principalmente porque sua escrita é completamente despojada, mas real, ela sabe como tratar de diversos assuntos sem enrolar, e falar de forma que qualquer idade possa apreciar.
Mas mais que isso, admiro a Bruna pelo jeito de ser - pelo menos pelo o que demonstra no blog e no instagram - ela vai atrás dos sonhos, não se deixa ofuscar pela fama da internet e não vai mudar seu jeito de ser ou seu jeito de vestir ou seu próprio corpo só porque alguém acha que ela tem de mudar. Ela assume seus defeitos e suas qualidades com igual paixão, e é realmente um exemplo para as adolescentes de hoje em dia.


6. Tammy Luciano
Outra que correu atrás dos sonhos. Tammy Luciano é formada em artes cênicas e jornalismo, com especialização em roteiros em Washigton, EUA; já morreu várias vezes nas telinhas participando de simulações do Linha Direta, mas sua paixão é a escrita. Está sempre nas redes sociais respondendo suas fãs - sempre que não está concentrada escrevendo - e é autora de romances, poesias, e até peças de teatro. Já passou por vários lugares, e agora sua casa é a Editora Valentina.


7. Larissa Siriani
O que me faz admirar a Larissa é a garra dela. Ela faz faculdade de cinema, mora com os pais e os irmãos e publicou seus livros de forma independente, ou seja, está sempre na luta para divulgar e fazer eventos e levar suas histórias a todos os cantos do Brasil.


8. Patricia Barboza
Desde criança a escrita é a paixão da Patrícia. Seu primeiro prêmio foi para uma redação na quinta série, mas foi o Sítio do Pica-Pau Amarelo, poucos anos antes, que despertou sua paixão pelos livros. Ela é um verdadeiro sucesso com mais de dez livros publicados!




9. Lu Piras
A Lu Piras sempre gostou de contar e inventar histórias, transformando pessoas reais em personagens de loucas aventuras. Escreveu seu primeiro romance – uma saga sobre duas famílias durante a Guerra da Crimeia - aos 15 anos numa máquina de escrever Olivetti 1982, presente de seu avô. É advogada por formação e escritora por vocação. Esteve por sete anos em Portugal, trabalhou como jurista, comerciante e artesã de bonecas. Em 2009 se matriculou no curso de Produção Editorial da UFRJ, quando escrever se tornou uma saudável obsessão. 
É autora da série Equinócio, tendo publicado em junho de 2012 o primeiro volume, Equinócio - A primavera, pela Dracaena Editora. É também coautora de A Última Nota, em parceria com o escritor Felipe Colbert, e publicado pela Editora Novo Século. Em maio de 2014 passou a integrar o time de autores da Editora Novo Conceito com o romance Um Herói Para Ela.
Lu mora no Rio de Janeiro com sua família e sua gata Bria.


10. Carolina Munhóz
Carolina Munhóz Honório é uma jornalista e escritora e suas obras são direcionadas ao público infanto-juvenil. Ela é um exemplo por ter chegado onde todo autor sonha chegar: é escritora em tempo integral, assinou contrato com a Editora Rocco, onde fechou contrato para uma nova trilogia, e seu último livro lançado, que foi em parceria com a atriz Sophia Abrahão ficou semanas na lista de mais vendidos. A Carolina também é integrante do Potterish, um dos maiores sites de Harry Potter do mundo. Foi eleita como melhor escritora jovem pelo Prêmio Jovem  Brasileiro e teve seu último livro eleito como melhor do ano pela Revista Atrevida.

Diz a verdade, são mulheres para se inspirar e admirar, não? Não são só elas, há muito mais autoras que eu gostaria de homenagear, como não dá de colocar todas aqui, sintam-se admiradas mesmo de longe!
Beijoooos :*

9 comentários:

  1. Oiiii, são mesmo autoras incríveis, inda não tive oportunidade de ler Carina Risse , mas eu já tenho o livro dos vilões, paula pimenta é uma ótima escritora com certeza eu li princesa adormecida e é simplesmente fantástico,
    Abçs

    ResponderExcluir
  2. Que lindas!!
    Feliz dia das mulheres!

    ResponderExcluir
  3. Oiee...Nossa que postagem mais incrível. Uma super homenagem que fazem a cabeça de tanta gente com seu talento e sucesso.Com certeza são mulheres com toda esta garra e coagem que nos motivam sempre a correr e ir atras dos nossos sonhos.Ótima postagem e desejo ainda mais sucesso para elas.

    ResponderExcluir
  4. Apenas muito feliz e boba de ter sido lembrada por essa lista <3

    vocês são lindas!

    ResponderExcluir
  5. Que bela homenagem, parabéns. Das autoras citadas conheço tanto pessoalmente como o trabalho da Tamy e da Lu Piras. A Larissa eu conheci em um evento, mas não li ainda seus livros, apesar de ter baixado da Amazon semana passada dois livros dela, resta agora lê-los.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  6. Realmente, são histórias muito inspiradoras. Parabéns a todas essas mulheres pelos exemplos de persistência e dedicação.

    ResponderExcluir
  7. Achei muito legal essa homenagem que você fez a essas nossas autoras talentosíssimas. Sabemos o quão difícil é entrar e se manter no mercado editorial brasileiro, mas, aos poucos, elas vão conseguindo seu lugar ao Sol.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  8. Conhece algumas de nome, mas ainda não livro nenhum livro das autoras citadas. Parabéns pois sabemos como om mercada nacional é estreito e se manter nele é ainda mais difícil.

    ResponderExcluir
  9. Amei sua lista! Algumas autoras conheço só de nome, outras por ter lido os livros. Eu acrescentaria a Adriana Brazil. ^^
    É muito bom ver nossas autoras se destacando. Homenagem mais do que merecida!
    bjs

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo