O Amor Está no Ar - Jennifer Echols

03 fevereiro, 2015

Aluna do ensino médio, Leah Jones ama voar. No ar, ela facilmente se esquece de sua vida com sua mãe, sempre ausente, no bairro humilde de uma cidade praiana de Carolina do Sul. Quando seu instrutor de voo, Sr. Hall, contrata a garota para pilotar aviões em sua empresa de propagandas em banner, Leah considera o emprego sua porta de entrada para a vida longe do estacionamento de trailers. Mas quando ele morre subitamente, ela teme que sua carreira como piloto de aviões tenha chegado ao fim.
Porém os jovens filhos do Sr. Halls, Alec, o garoto de ouro, e Grayson, o viciado em adrenalina, resolvem continuar o negócio do pai. Embora Leah tenha uma queda pro Grayson há anos, ela receia em se envolver em um negócio que agora parece que não vai muito longe. Até que Grayson descobre um dos piores segredos da menina. Com isso em mãos, ele a obriga a pilotar por uma razão que ele também não revela, uma razão relacionada a Alec. Agora Leah se encontra no meio de uma batalha entre irmãos, e a consequências podem ser desastrosas.

Leah nunca teve uma vida fácil. Criada por uma mãe solteira e completamente irresponsável, as duas se mudaram diversas vezes, de um estacionamento de trailers para outro por não terem condições sequer de bancar o menor dos apartamentos, e quando a mãe deixava de pagar o aluguel do trailer ou se metia em confusão com algum de seus namorados, lá iam elas para outro lugar novamente.
Muitos dos lugares em que moraram ficavam perto de um aeroporto, de forma que dia e noite podiam ouvir os barulhos causados pelos aviões, seus motores, decolagem, aterrisagem. Tudo. E em seu novo lar em uma cidade litorânea da Carolina do Sul, Leah decidiu seu destino: ser piloto de avião.
Aos quatorze anos ela arranjou um emprego em um pequeno aeroporto, trabalhando para o sr. Hall. Por semanas trabalhou todas as horas que podia, juntou cada centavo e depois se apresentou ao sr. Hall para que ele a ensinasse a pilotar. Os arranjos para isso não foram tão simples quanto Leah pensava, e a aula era realmente cara, mas valeu cada minuto em que esteve no ar, e serviu para confirmar o que ela já sabia, seu destino era voar.
Por anos continuou a ter aulas com o sr. Hall, e tinha a promessa de que trabalharia para ele com um dos aviões que carregam banner. Mas poucos meses antes de cumprir a promessa, o sr. Hall faleceu e o negócio passou para seus filhos gêmeos, Alec e Grayson. Os meninos não eram tão próximos do pai quanto o sr. Hall gostariam, e pareciam não dar importância para os negócios da família, o que leva Leah a temer por seu futuro como piloto.
Para sua surpresa os gêmeos resolveu assumir a empresa e cumprir os contratos, inclusive contratá-la. Mas Grayson, o mais intenso dos irmãos, tem um plano a mais para Leah: ele a chantageia para que ela continue trabalhando com ele e, também, seduza seu irmão Alec. O problema para Leah é que seu coração bate por Grayson, e ela não sabe até que ponto poderá levar essa farsa.

Jennifer Echols se superou em cada página desse romance ao criar um enredo com personagens que se destacam por si só.
Leah ainda é muito nova, mas já é muito madura, desde cedo ela aprendeu a se virar sozinha, a não depender da mãe nem de homens. Ela também aprendeu a se livrar de homens e se defender. E a pilotar aviões. Já os irmãos Alec e Grayson são uma incógnita por boa parte da história, aos poucos vamos descobrindo características e detalhes de suas vidas... Alec é mais despojado, de bem com a vida, enquanto Grayson tem problemas para controlar seus impulsos, é viciado em adrenalina e assume todas as responsabilidades para si depois do falecimento de seu pai.
O grande mistério está na razão para Grayson conter seus próprios impulsos em relação a Leah para que ela possa sair com seu irmão, por alguma questão de vida ou morte que prende o leitor durante toda a narrativa. A história narrada por Leah soube cativar o leitor a ponto de emendar um capítulo no outro na esperança de vê-la realizar seus sonhos e melhorar sua própria vida.
Apesar da capa ter muita relação com o enredo, nem de longe agrada, mas não julguem um livro pela capa e deem uma chance para a história, que foi muito bem trabalhada pela editora e certamente vai cativar a todos!


3 comentários:

  1. Quando vi a capa e li a primeira linha da sinopse, achei que ela voava por ela mesma kkk
    Também achei que o título em português não favoreceu o livro, por ser uma expressão muito comum, pode acabar passando despercebido. Entretanto, seguindo o conselho de não julgar o livro pela capa, gostei do enredo e daria sim uma chance.

    ResponderExcluir
  2. Não me interessei muito não, mas não descarto a leitura no futuro.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  3. Essa capa engana muito. Pelo menos, comigo, essa capa me pareceu ser de um romance sobrenatural, mas, mesmo não sendo, a trama ainda me chamou a atenção. Ainda bem que a autora foi se superando a cada página. E que bom também que as personagens parecem ter vida própria. Enfim, se tiver oportunidade, dou uma conferida.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo