Breakable (Easy #02) - Tammara Webber

22 janeiro, 2015




Landon Lucas Maxfield teve uma infância privilegiada, levando uma vida tranquila com os pais e tendo um futuro promissor à sua frente até que uma tragédia impensável destruiu sua família e o fez duvidar de tudo que um dia pareceu tão certo.
Agora um intenso e enigmático homem, Lucas só quer deixar o passado para trás. Quando ele conheceu Jacqueline, foi fácil desejar ser tudo aquilo de que ela precisava. Mas se há uma coisa que a vida lhe ensinou é que a alma é frágil e que todos os seus sonhos podem ser destruídos em um piscar de olhos.








Através do livro Easy nós já conhecemos a história de Jacqueline e Lucas. Agora chegou a hora de conhecer a história de Landon.
Landon Lucas Maxfield era o filho único de um casal muito amoroso, teve uma infância boa e amorosa, com pais sempre presentes que o amavam incondicionalmente. Até que uma tragédia os abalou de uma forma irreparável, levou Landon a se esconder atrás da culpa, transformando o bom menino em um adolescente problemático.
Um amigo da família lhe estendeu a mão e lhe ofereceu uma saída dessa bola de destruição que Landon estava se tornando, mais do que isso, lhe ofereceu uma chance de começar de novo e Landon a agarrou sem olhar para trás. Agora na faculdade, adotou seu nome do meio, Lucas, encontrou empregos que paguem seus gastos e se dedica ao curso, mas o passado faz parte do que somos, e o de Lucas continua a incomodá-lo, pois, ainda que tenha seguido em frente, a culpa continua com ele.
Até conhecer Jacqueline, uma aluna da aula de economia em que Lucas é tutor. Desde a primeira classe ele se interessou por ela, mas Jacqueline estava comprometida e Lucas se manteve a distância... até ela precisar de um tutor. Mas para se entregar a um relacionamento, Lucas terá que se abrir sobre seu passado e perdoar seus próprios erros, e esse pode ser seu maior desafio.

Após ler Easy, fiquei apaixonada pela história dos dois, principalmente por Lucas, ele tinha tanto a contar ainda que, ao saber do lançamento de Breakable, comprei ainda na pré-venda e logo devorei a história! Quando a mesma história é lançada duas vezes, para contar os pontos de vistas de ambos os personagens, grande parte da empolgação pela leitura morre já no início, afinal o leitor já sabe o que o enredo lhe reserva, pois ainda que haja pensamentos diferentes, os grandes e principais eventos do livro serão exatamente os mesmos.
Mas isso não aconteceu em Breakable. É claro que os eventos continuaram os mesmos, do jeitinho que eu me lembrava, mas como forma de atrair o leitor e tornar a história ainda mais interessante, a autora fez um trabalho brilhante ao trazer, em cada capítulo, partes da vida de Lucas antes de entrar na faculdade, a cada capítulo houve uma divisão, uma primeira parte do passado, e logo o presente, assim conhecemos a história de Lucas junto aos pais, logo o evento que destruiu sua família e como foi sua vida após isso – a mudança, a convivência com o pai e o avô, seus problemas na escola e sua rebeldia adolescente, cada momento até o dia em que chegou a faculdade.

A narrativa de Lucas não me pareceu tão empolgante quando de Jacqueline nos fatos que já foram narrados em Easy, mas estava tão curiosa para conhecer cada aspecto da vida desse personagem e essas partes fizeram cada página da história valer muito a pena.

5 comentários:

  1. Eu faço parte do grupo que não gosta desse tipo de "continuações". Se é para contar os mesmos evento do livro anterior, era melhor ter dividido a narração desde o primeiro volume, mesmo que fossem os mesmos dois livros. Pelo menos, nesse tem essas partes em que o protagonista narra seu passado. Mesmo assim, ainda me incomoda bastante.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  2. Ainda não conheço a autora e seus livros, mas sempre leio resenhas positivas a respeito e esse livro tem agradado bastante.

    ResponderExcluir
  3. Não li ainda o volume anterior, mas acho que nem sempre vale a pena dividir histórias como esta em dois livros, acho que seria mais interessante se fosse um volume só com os dois pontos de vista.
    Bjs,Rose.

    ResponderExcluir
  4. Também não li o primeiro livro e também acho que ficaria mais envolvente se alternasse os narradores a cada capítulo como Legend ou Convergente.

    ResponderExcluir
  5. Sou bem curiosa pra ler o primeiro livro porque pelo que li dizem ser muito bom, mas confesso que não sou muito fã de dois livros contando a mesma história. Por que não alternar num livro só? Vai saber.

    Bjs

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo