Anjos à Mesa - Debbie Macomber

23 dezembro, 2014

          Shirley, Goodness e Mercy sabem que o trabalho de um anjo é interminável — especialmente na véspera do Ano-novo. Ao lado de seu novo aprendiz, o anjo Will, elas se preparam para entrar em ação na festa de fim de ano da Times Square. Quando Will identifica dois solitários no meio da multidão, ele decide que a meia-noite será o momento perfeito para dar aquele empurrãozinho divino de que eles precisam para acabar com a solidão. Então, por “acidente”, Lucie Ferrara e Aren Fairchild esbarram-se no meio da alegria da festa, mas, assim como se aproximam, acabam se perdendo: um encontro marcado que não acontece os afasta pelo resto da vida. Ou será que não? Um ano depois, Lucie é a chef de um novo e aclamado restaurante, e Aren é um colunista de sucesso em um grande jornal de Nova York. Durante todo o ano que passou, os dois não se esqueceram daquela noite. Shirley, Goodness, Mercy e Will também não se esqueceram do casal... Para uni-los novamente, os anjos vão usar uma receita antiga e certeira: amor verdadeiro mais uma segunda chance (e uma boa dose de confusão), para criar um inesquecível milagre de Natal.

          Na noite de Ano-Novo quatro anjos vêm a Terra acompanhar de perto a celebração na Times Square, três deles já são veteranos e conhecem a regras, já o quarto anjo se chama Will e é sua primeira vinda a Terra, o que o deixa maravilhado com o tanto de pessoas e cores, sons e tudo tão diferente do Paraíso.
          A verdade é cada anjo tem sua própria tentação aqui na Terra, e quando chegam acabam causando um rebuliço por onde passam, seja por ver crianças ou por querer aparecer na televisão... mas nenhuma interferência é tão grande quanto a causada por Will: ao ver duas pessoas solitárias em meio a tantas outras felizes por celebrar a chegada de um novo ano, Will resolve dar um empurrãozinho para que Lucie e Aren se conheçam.
          Depois de uma noite muito agradável, eles percebem o quanto se completam, como são parecidos e se dão bem, o que os leva a marcar um encontro... que nunca chega a acontecer.
          Um ano depois, Lucie realizou seu grande sonho de abrir um restaurante e está fazendo o maior sucesso como chef, já Aren tem um ótimo emprego em um jornal de Nova York como crítico de restaurantes. Quando ele é levado a fazer uma crítica do restaurante de Lucie, o encontro entre eles parece que finalmente vai acontecer. Só depende dos quatro anjos – que passaram todo o ano se sentindo culpados por terem interferido na vida dos dois – conseguirem se controlar e não agirem como não devem (novamente!) para não por tudo a perder.

          Anjos à Mesa é uma história divertida e um pouco diferente repleta da magia que o início de um novo ano sempre trás. Lucie e Aren são dois adultos em Nova York, com sonhos e aspirações para o ano que vai começar, e a interação dos quatro anjos deixa a história bem divertida.
          Apesar de ter um enredo um pouco clichê, a autora soube como administrar bem o enredo, no entanto, sendo o livro tão curtinho acabou que o grande desfecho se deu de forma muita rápida, acho que a autora poderia ter dosado um pouco melhor, o início foi ótimo, mas o meio do livro teve cenas um pouco repetitivas que poderiam ter dado espaço para o desfecho do fim, que acabaria sendo melhor desenvolvido, não tão apressado.
          Fora isso, minha ressalva com essa história foi a construção dos personagens. Antes de ler este livro, li outra história da autora (O Amor Mora ao Lado), e parece que os personagens de lá pularam para cá. Lucie é completamente insegura, Aren tem uma irmã com problemas com o namorado, e os protagonistas tem problemas amorosos passados que ainda interferem no dia hoje. Nesse quesito faltou um pouco de originalidade por parte da autora.
          Entendam, a história foi bem construída e tem um clima de festas de fim de ano capaz de animar qualquer pessoa, o problema ficou com o final – já que na questão dos personagens cada leitor tem sua própria opinião e pode não ver semelhança nenhuma com outros livros da autora.

          A diagramação ficou bem feita, a capa reflete bem o espírito do livro, a escrita da autora é fluída o que torna a história bem rápida de ser lida.


5 comentários:

  1. É aquela típica trama clichê, mas extremamente leve, agradável e divertida. Ideal para ler nessa época do ano mesmo. Uma pena que ela teve um pequeno deslize no final do livro, mas o bom é que isso não prejudicou muito no geral. Se tiver oportunidade, vou dar uma conferida nele.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  2. Tenho esse livro aqui na pilha, mas ainda não o li. Gosto tanto de Debbie Macombre que adquiro seus livros sem nem mesmo ler a sinopse. São sempre histórias fofas, sem frandes reviravoltas, como aquelas histórias em que a autora inventa tanto que se perde pelo caminho.

    ResponderExcluir
  3. Não li este livro ainda, mas que pena que você achou esta falta de originalidade
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  4. As vezes, por não esperar tanto de um livro, a gente acaba gostando.
    Eu primeiro fiquei super empolgada para ler, mas devido a comentários não tão positivos, a expectativa diminui.

    ResponderExcluir
  5. Hey,

    Nunca li um livro de natal ou algo do tipo. Tenho grande curiosidade com a leitura. Espero em breve poder ler. Quero conhecer Lucie e Aren.

    Beijos.

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo