150 Dias de Chile - Hora de voltar para casa!

14 dezembro, 2014





















Depois dessa semanada contando para vocês sobre os principais pontos de Santiago, chegou a hora de dar tchau para essa cidade que me acolheu tão bem nesses cinco meses que fiquei por aqui, amanhã embarco de volta para casa (mas muito em breve terei novas aventuras!).
Nesse post mais que mostrar a cidade quero contar para vocês os pontos positivos e negativos do Chile.


Começando pelos negativos, já que são pouquinhos:
1. A cidade para depois do meio-dia de sábado! No domingo, fora pontos turísticos, não tem muito que fazer, as ruas ficam desertas, mercados fecham cedo, alguns restaurantes nem abrem...
Eu considero isso um ponto negativo porque estamos na capital do país (pelo amor de Deus!), até na minha cidade muita coisa funciona aos domingos, mas aqui domingo é um dia que eles dedicam a família, muitos vão para casa de parentes ou para os parques, então se você é de fora como eu, só lhe resta ir aos museus ou shoppings.
2. Os chilenos não são o povo mais hospitaleiro que existe...
No Brasil quando tem algum intercambista na faculdade (nisso todos os brasileiros que conheci aqui concordaram comigo) o pessoal corre para receber bem, conhecer, mostrar a cidade, já aqui não funciona assim, na minha universidade aqui (Universidad de las Américas) nem recepção aos intercambistas teve, ou seja, não dão muita importância para sua estadia aqui. Já o pessoal na sala até foi agradável, mas o contato não saiu de sala de aula, e não por falta de convites.
3. Tudo é caro...
Nem tudo, roupa até que é em conta se souber onde comprar, mas comida é absurdamente cara! Três pães parecido com o francês custaram mais de dois reais; carne nem se fala, é absurdamente cara, a ponto de chegar a quase quarenta reais a carne moída; e frutas também, uma bandeja de morango custa sete reais.
O problema é que quando cheguei, como o peso chileno não vale muito em comparação ao real, pensava que tudo seria ridiculamente barato, mas foi bem ao contrário, porque aqui tudo parece partir de mil pesos (quatro reais).

Mas os positivos são realmente bons:
1. Muitos amigos!
O programa Santander que me deu a bolsa contemplou muitos outros brasileiros, e nos encontramos todos aqui e nos tornamos amigos; na universidade que a maioria está tem recepção a estrangeiros, eu vou por tabela, mas acabei conhecendo muitos estrangeiros que vou levar para sempre comigo!
2. Viagens!
O Chile é um país cheio de contrastes e lugares diferentes para conhecer, e viajar dentro do país acaba não saindo muito caro, como não vou ficar aqui nas férias não vou conhecer o sul do país, mas tenho desejo de voltar e conhecer, já que conheci o centro e o norte.
3. Cultura
A cultura chilena é diferente da nossa, eles têm costumes diferentes desde o jeito de falar (chilenismo!), de vestir, até os horários para comer - almoço aqui é as duas da tarde.
4. Experiência
Sempre quis fazer um intercâmbio, e a experiência valeu a pena, viver longe de casa, se virar sozinha, morar com pessoas que até chegar aqui eram estranhos, ter responsabilidade, pagar as contas. De verdade um intercâmbio faz as pessoas amadurecerem.










Então tenho que dizer que realmente valeu a pena, que recomendo que todos que têm interesse em fazer um intercâmbio consigam fazê-lo (seja por bolsa ou pagando) porque é uma experiência única!

5 comentários:

  1. Que pena que chegou ao fim, mas maravilha que valeu muito a pena. Obrigada por dividir conosco esta experiência.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  2. Bom, nem tudo é um mar de rosas, mas ficam o conhecimento, as experiências, as amizades e a certeza de que tudo valeu a pena... até as coisas negativas hahahahahahaha

    Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. Ainda bem que o saldo do seu intercâmbio foi positivo. Confesso que não imaginava que as coisas eram caras por aí, mas acho que isso não atrapalhou em nada sua estadia. O bom é que você gostou tanto que pretende voltar.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  4. Queria saber mais sobre "homesick", se vc sentiu, como lidou com isso etc.
    Que demais acompanhar essa sua experiência! Que 2015 reserve novas aventuras como esta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu de verdade me senti muito bem o tempo todo que estive lá, deu saudade de casa por causa de comida e família, mas de verdade sou um pouco desapegada, então não sofri por causa disso. Sempre que batia uma saudade eu via no calendário como já estava quase na hora de voltar para casa e o quanto eu ainda tinha que conhecer!

      Excluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo