Dia de Banca #12 - Mais Uma Noite de Amor

16 janeiro, 2014


Dia de Banca é uma das novas colunas anunciadas no post de 2 anos de blog, destinada a esse outro "gênero" da literatura, que muitas gostam e acompanham e agora está ganhando um espacinho aqui no blog!

     
  
         O tempo de Taylor como esposa de Jared durou pouco, mas não foi nada doce: em algumas semanas de casamento, ela descobriu que estava grávida e que Jared tinha uma amante. Mas Taylor acabou perdendo os dois: o bebê e o casamento... Agora Jared está de volta, querendo retomar a relação e com uma carta na manga: não concederá o divórcio ao menos que ela concorde com suas exigências. Embora Taylor jamais pudesse esquecer a dor da separação deles, por quanto tempo conseguiria resistir quando cada olhar dele fazia-a se lembra da paixão que um dia compartilharam?






Taylor sempre amou seu trabalho de maquiadora, por causa dele viajava por semanas acompanhando sets de filmagem e transformava pessoas. Só tinha uma coisa que ela mais que o trabalho: Jared, seu marido. Mas os dois tinham desejos diferentes, enquanto ele queria uma família, Taylor queria o casamento e o trabalho, não pretendia ter filhos e sempre deixou isso claro.
Quando por acidente acabou engravidando, Taylor entrou em pânico mais estava disposta a encarar a situação, mas um aborto espontâneo afastou a possibilidade de ser mãe, e além da dor da perda, teve de encarar as acusações de Jared sobre ter abortado de propósito. Não bastasse isso, descobriu que ele a estava traindo.
O mundo de Taylor ruiu e ela apagou de sua mente o fato de ter um marido, seguiu com a vida e estava indo bem, até Jared reaparecer em seu caminho. Ele quer reatar, quer recuperar o tempo perdido e explicar que jamais a traiu, mas Taylor ainda se sente traída e a única coisa que deseja dele é o divórcio.
Só que Jared não está disposto a facilitar, e impõe condições para que conceda o divórcio, não suficiente, ele lhe mostra que ainda a conhece muito bem ao conseguir manipulá-la para ir a casa da montanha.
Uma tempestade de neve os obriga a conviver, e durante esses dias surge a oportunidade de colocarem tudo em pratos limpos de uma vez por todas... basta aceitarem a chance!

Esse foi um dos romances de banca que mais gostei nos últimos tempos, Jared é divertido e insistente, mas também é um amor de homem que te faz suspirar, enquanto Taylor é teimosa e tenta ser insensível, por motivos que envolvem o passado que ela nunca quis compartilhar com Jared. Durante esse tempo em que ficam na casa presos graças a neve, os diálogos passam por todos os níveis, há o sarcasmo, a ironia, as discussões, em um ciclo sem fim até que um deles resolva ceder.
Apesar de ser uma história curta, tem bastante conteúdo e a autora conseguiu desenvolver os personagens muito bem, dando a eles histórias e sentimentos que vão muito além da superficialidade. 

14 comentários:

  1. Eu não sou muito fã de romances de banca, por essa razão, a Harlequin não é minha editora favorita. No entanto, gostei da premissa desse livro, acho que se houvesse oportunidade de ler, eu o faria. Sobre a capa, não tem jeito, esse tipo de romance sempre tem capas muito bregas. Haha

    ResponderExcluir
  2. Olá!!
    Apesar de não ser acostumada a ler os livros da editora, achei a historia me pareceu bem interessante e sua resenha me deixou bastante curiosa pois gosto de romances e este tem toda uma situação bem diferente e também por que há um desenvolvimento do personagens me chama a atenção.

    ResponderExcluir
  3. achei bem interessante esses livros de banca, são intrigantes e cheios de emoção

    ResponderExcluir
  4. um otimo livro, gosto bastante de romances de banca, sempre envolventes

    ResponderExcluir
  5. Estes TDB nos matam, queremos amá-los e odiá-los, mas não ficamos sem eles.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  6. Eu já disse que amo os romances de banca? Sério amo mesmo, e esse é só mais um que eu tenho que ler! Parece que ele tem uma boa história, com certeza vou ler!
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Romances de banca não são o meu tipo de leitura favorito, mas de vez em quando gosto de lê-los. O final é bem previsível, mas eu leria mesmo assim. Pena que a capa é tão brega =/

    ResponderExcluir
  8. Gostei do resumo da historia, deixou um gostinho de quero mais e o livro me pareceu bom apesar de eu nunca ter dado chance para o genero... Mas fico feliz por saber!

    ResponderExcluir
  9. Sempre achei que os romances de banca eram superficiais, mas vi aqui na sua resenha que os sentimentos das personagens passam longe disso. Acabei ficando com uma pontinha de curiosidade pra ler esse. Quem sabe em breve, né?!?!

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  10. acho muito bom ler romances de banca, antigamente confesso que tinha um certo preconceito , mas hj acho tão bom , sempre um pouco previsiveis, para descontrair é bom

    ResponderExcluir
  11. um romance muito bom, gosto desses romances que dá pra prever o final e tranquilizar depois de algumas leituras muito intensas

    ResponderExcluir
  12. Acredita que não li nada ainda de banca? Pois é.. ainda não li.
    Mas tenho muita vontade, pois são aqueles romances que te prendem mesmo. Vou começar a comprar =)

    ResponderExcluir
  13. Os romances de banca que vocês mostram aqui sempre parecem interessantes. Gostei do enredo deste, deve ser muito interessante acompanhar o casal enquanto tentam construir um amor de novo! Gostei de saber que a estória é curta, mas bem construída. :)

    ResponderExcluir
  14. Ainda não li nenhum romance de banca, mas a história desse parece ser bem interessante. E por ser uma história curta, mas com conteúdo eu leria sem problemas!

    Beijos

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo