Uma Longa Jornada

26 setembro, 2013

Aos 91 anos, com problemas de saúde e sozinho no mundo, Ira Levinson sofre um terrível acidente de carro. Enquanto luta para se manter consciente, a imagem de Ruth, sua amada esposa que morreu há nove anos, surge diante dele. Mesmo sabendo que é impossível que ela esteja ali, Ira se agarra a isso e relembra diversos momentos de sua longa vida em comum: o dia em que se conheceram, o casamento, o amor dela pela arte, os dias sombrios da Segunda Guerra Mundial e seus efeitos sobre eles e suas famílias.
Perto dali, Sophia Danko, uma jovem estudante de história da arte, acompanha a melhor amiga a um rodeio. Lá, é assediada pelo ex-namorado e acaba sendo salva por Luke Collins, o caubói que acabou de vencer a competição.
Ele e Sophia começam a conversar e logo percebem como é fácil estarem juntos. Luke é completamente diferente dos rapazes privilegiados da faculdade. Ele não mede esforços para ajudar a mãe e salvar a fazenda da família. Aos poucos, Sophia começa a descobrir um novo mundo e percebe que Luke talvez tenha o poder de reescrever o futuro que ela havia planejado. Isso se o terrível segredo que ele guarda não puser tudo a perder.
Ira e Ruth. Luke e Sophia. Dois casais de gerações diferentes que o destino cuidará de unir, mostrando que, para além do desespero, da dificuldade e da morte, a força do amor sempre nos guia nesta longa jornada que é a vida.

Ira é um senhor de 91 anos de idade que acaba de sofrer um sério acidente. Teimoso como é, insistiu em continuar a dirigir mesmo já tendo idade avançada e não tendo mais os mesmos reflexos de outros tempos, pior, resolveu dirigir em um dia em que a neve cobria tudo ao seu redor e em uma curva acabou perdendo o controle do carro e caiu ladeira abaixo. Enquanto sente seu corpo fraco e machucado, ele recebe a visita de Ruth, sua esposa e o amor de sua vida que faleceu há alguns anos.
De repente, com ela ali, a perspectiva de partir desta vida não o aterroriza, pelo contrário, morrer significa voltar a estar com Ruth e ele não vê a hora disto acontecer. Mas ela sabe que ainda não é a hora dele e por isso fica ali, entretendo-o e o ajudando a sobreviver, enquanto relembram a bonita história de amor que viveram.
Paralelamente, temos Sophia e Luke. Ela é uma estudante de história da arte que acaba de sair de um relacionamento que terminou de maneira conturbada, enquanto ele não poderia ser mais oposto. Luke nunca foi à faculdade, ele vive e trabalha na fazenda da família quando não está montado em touros.
Em uma noite eles se conhecem e a atração é quase instantânea, quando Luke conquista sua atenção, tudo que Sophia faz é pensar em como não o conhecera antes. Não é apenas no fato de ser peão que ele é diferente, pelo contrário, Luke é um homem diferente de qualquer outro que ela tenha conhecido, e isso a fascina ainda mais.
A relação é fácil de acontecer, porém o grande mistério está em como fazer dar certo com tantas diferenças entre eles, somada a perspectiva de que em poucos meses Sophia estará formada e irá morar em outro lugar e,  ainda, somado aos segredos que Luke lhe esconde.

A princípio você pensa: é só mais um romance do Nicholas Sparks. Desde já te respondo: não é!
Tem as características típicas dele, a Carolina do Norte como fundo, um romance profundo e forte entre o casal principal que se desenrola com facilidade, as palavras que te prendem ao livro até você chegar ao fim. Mas neste livro tem mais! Normalmente a ligação entre os personagens fica clara desde o início, você sabe logo como o autor vai guiar o romance para fazer dar certo, com Uma Longa Jornada não é possível distinguir o que Ira e Ruth terão a ver com Sophia e Luke até que finalmente acontece.
Por isso esse se tornou o meu livro favorito do Nicholas!
O romance entre Sophia e Luke arranca sorrisos e suspiros com facilidade, e a história de Ira e Ruth emociona por tudo que eles passaram e superaram juntos, depois de tantos anos de casados, mas o grande diferencial foi a forma de unir os enredos, que me fez sorrir e vibrar por muito tempo.

A narrativa do Nicholas continua impecável, o livro está lindo com uma capa diferente das costumeiras – ficou no estilo das capas americanas dos livros dele – e o romance está ainda melhor. Para quem é fã de romance, fã do Nicholas, fã de histórias bonitas e tocantes, esse livro não pode faltar na estante!



5 comentários:

  1. Adoro os livros do Nicholas Sparks, embora eu ache que são muito previsíveis, e clichês, mesmo assim eu amo. Sabendo que esse é ainda melhor e traz algo diferente dos típicos livros de Nicholas, vou ler com certeza! Já se tornou o mais desejado do momento! (:

    ResponderExcluir
  2. esse é um autor fantastico, sem duvida esse livro deve ser incrivel, adorei a sinopse e se for cheio de emoção como os anteriores do nicholas será otimo

    ResponderExcluir
  3. Oii! =)
    Nossa com certeza já me convenceu a ler o livro! =D Gosto muuuito dos livros do Nicholas e aí você diz que é o melhor dele que você já leu? Necessito. Ha ha ha, que bom que a história foi assim tão boa, espero ter a mesma sensação!
    Bjsss ;*

    ResponderExcluir
  4. Sendo do Nick eu já quero ler, rsrsrsrs
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  5. Eu sou ate suspeita de falar de um livro do meu querido Nicholas , eu amoo tudo escrito por ele .. esse livro eh muito bom

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo