Segredos de Menina

18 julho, 2013



A protagonista deste romance "Segredos de menina" descobre o mundo ao mesmo tempo em que se descobre a si mesma. Com doze anos, filha de uma família católica numerosa e de direita, vive num bairro de classe média, mudou de colégio quatro vezes em sete anos – e acha difícil que exista um mais chato que o atual – e a única coisa que faz sentido em sua vida é ficar o dia todo na rua com os amigos. Enquanto o tempo passa, e ela não é mais tão menina, seguimos seus passos pela movimentada Buenos Aires dos anos setenta, entre a morte de Perón e a Copa do Mundo. A mãe depressiva, o pai ausente, as brigas entre os irmãos, o internato, a primeira vez, a experiência com alucinógenos – tudo vai desenhando o perfil dessa adolescente que se exila por vontade própria de seu colégio, de sua família e até si mesma. Em seu romance de estreia, Maitena empresta ingredientes de sua própria biografia a essa menina ao mesmo tempo inocente e um tanto irônica, mas sobretudo inquieta para se lançar em outra realidade, fora dos muros de casa e da escola.



Narrado pela própria protagonista, Segredos de Menina é um romance dividido em três partes, através das quais vamos conhecendo o desenvolver dessa garota a partir de seus doze anos – aquela típica idade em que não se é mais criança, mas também ainda não é “gente grande”.

Criada entre seis irmãos, com um pai que vive viajando e uma mãe que sempre deixou claro que não gostaria de ter tido tantos filhos, é em um ambiente conturbado que nossa protagonista vai crescendo e se rebelando, mas essa rebeldia muitas vezes é sem sentido, sem um motivo especifico. Assim ela passa boa parte dos dias matando aula para ir para uma praça onde se encontra com alguns amigos, ajuda uma senhora com seu negócio e deixa a vida passar. Conhece garotos, tem o primeiro beijo, briga com amigas e até mesmo seu primeiro namorado – um “romance” que desde o início estava fadado ao insucesso.

Quando chega a segunda parte da história, poucos meses mais velha, a cabeça dela não mudou muito – até um incidente, seguido por sérios problemas familiares que acabam por separar toda a família (mãe em uma clínica, pai em outro lugar, irmãos em casas separadas) e a leva a um internato de freiras. Arrependida do que fez, lamentando pela saúde do pai e pela ausência dos irmãos, faz o leitor crer que a protagonista finalmente está crescendo.

Mas isso não dura muito.

Com saídas do internato toda semana, ela logo arranja outro namorado e muitas confusões se seguem... Sendo nova ali, ela faz de tudo para se destacar – mas não no bom sentido – cada dia tem uma história diferente (mentiras!) e quer sempre se mostrar. Ou seja, apesar de tudo ela continua com o mesmo pensamento de sempre, meio revoltadinha.

Na terceira parte, ela está um pouco mais crescida, mas confesso que esperava mais, principalmente do final. Não ficou aquele sentimento de fim, sabem? Apenas parece que encerrou um capítulo e a autora não colocou a continuação no livro.



Eu já conhecia as histórias da Maitena pelas tirinhas que são tão famosas, e que me arrancaram muitas risadas! Por isso quando vi que ela estava lançando esse livro, fiquei empolgada para conhecer outro lado da autora – principalmente porque há um quê de realidade nesse livro, experiências da própria Maitena mescladas as de sua protagonista, o que gera aquela expectativa e sempre a dúvida: será que isso aconteceu?

Mas confesso que curti mais as tirinhas, o lado humorístico da autora me agrada mais que esse lado romancista. Há, quando se fala em romance é um modo de encaixar a história, não espere declarações nem flores, mas sim um desenvolver da vida da protagonista.

Foi uma boa leitura, me deixou pensativa em alguns momentos com esses comportamentos desconexos da protagonista, mas, como disse ali em cima, gostei mais quando li as tirinhas humorísticas da autora. Sua narração é impecável, mas faltou algo que fizesse eu me apegar de vez a história.


5 comentários:

  1. Gosto de livros desse tipo, que exigem atenção do leitor!
    Já tinha visto, mas não sabia do que se tratava!
    Vou add na lista de leitura!
    Beijos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  2. Eu não conhecia a autora, mas gostei da capa do livro!!! E foi só da capa q eu gostei... Apesar da resenha, não me interessei pelo enredo....

    ResponderExcluir
  3. Muito bom o livro. Ainda não conhecia,mais gostei do que li em sua resenha. Muito bem elaborada e envolvente. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Gostei da resenha, minha filha também se interessou. As três fases da história parecem ser realmente boas, principalmente quando conta uma história real, confesso que não gosto de livros sem um final definitivo, mas vou me aventurar nessa leitura.
    Nome de seguidora: Miriam Guiraldelli

    ResponderExcluir
  5. Nossa, que vida conturbada a da protagonista, não é? Conheci o livro aqui e gostei muito da resenha e da sinopse. Gosto de ler histórias com conflitos familiares e pessoais.

    Beijos

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo