Príncipe Mecânico (As Peças Infernais #2)

23 julho, 2013



"Tessa Gray não está sonhando. Nada do que aconteceu desde que saiu de Nova York para Londres — ser sequestrada pelas Irmãs Sombrias, perseguida por um exército mecânico, ser traída pelo próprio irmão e se apaixonar pela pessoa errada — foi fruto de sua imaginação. Mas talvez Tessa Gray, como ela mesma se reconhece, nem sequer exista. O Magistrado garante que ela não passa de uma invenção. Para entender o próprio passado e ter alguma chance de projetar seu futuro, primeiro Tessa precisa entender quem criou Axel Mortmain, também conhecido como Príncipe Mecânico."




        Honestamente, ainda não sei o que dizer desse livro, a não ser que ele partiu meu coração em mil pedaços. 

        Após o final do último livro, que também deixou a muitos de coração partido, o livro começa com aquele clima "pós-combate" no Instituto de Londres, mas desta vez com um porém: a Clave se reuniu e, devido aos últimos acontecimentos, acabam por fim duvidando da competência de Charlotte para dirigir e coordenar o Instituto, e ainda mais com Benedict Lightwood pressionando o Consul para que possa tomar o lugar de Charlotte no comando do instituto, não resta outra alternativa se não estabelecer um prazo para que todos esses problemas e desentendimentos sejam resolvidos. O prazo é dado, para a alegria de uns, e o temor de outros. Charlotte, juntamente com Henry, Jem e Will, não faz a mínima ideia de por onde começar a procurar, mas sabe que tem que agir logo, ou perderá o Instituto. E Tessa, ainda não sabendo exatamente o que é, e pega desprevenida do meio dessa guerra, fará de tudo também para salvar o Instituto, sua única casa e única família restante.

        O resumo que eu dei aqui é tipo, o mínimo dos mínimos que poderia ser falado sobre os livros sem deixar muitos spoilers no ar (porque é claro que uma coisa ou outra é obrigada a ter e ser comentada, tendo em vista que é uma continuação de uma trilogia...)

        Então, esse livro gente, ainda não sei o que dizer sobre ele. A Cassie Clare, como sempre, se supera em suas tramas e personagens a cada livro escrito, e esse não é diferente. Nele, continuamos com o mesmo mistério acerca do último livro, no entanto, a meu ver, achei esse livro mais focado nos personagens, e nos sentimentos deles. Não estou dizendo que não tem muita historia, porque só quem leu sabe o quanto tem, mas nesse os sentimentos dos personagens flutuam mais pelo livro, o que nos proporciona uma leitura melhor de cada um deles, e, nesse quesito, acho que o que mais impressiona e também que nos apegamos mais facilmente é Will. Desde o inicio, parece que sua história de vida promete e, sinceramente, não deixa a desejar. Não só a história de Will impressiona, mas tudo o que gira entorno dele e das outras pessoas no Instituto. Confesso que me surpreendi com alguns personagens, porque, parece estranho, mas a gente normalmente tem uma opinião formada sobre cada um meio precocemente, mas quando cada coisa começa a acontecer, você se dá conta de que talvez, aquele personagem não fosse tão bobinho como você pensava, nem tão durão, e enfim, é uma história que te surpreende a cada momento, e te faz querer sempre seguir em frente na leitura.

        É sem dúvida, um dos livros que mais partiu meu coração, desde os últimos que li. Sabe aquele livro que não tem como você não se apegar a ele, ou à história, ou até a um personagem em particular? Pois é, Príncipe Mecânico sem dúvida é um desses... Na verdade, basicamente todos os livros da Cassandra Clare me deixam com esse sentimento de “órfã”, do tipo “o que posso ler agora que seja tão bom quanto essa história?”, e com essa emoção e essa necessidade de ler e reler, e relembrar os bons e maus momentos da história até não poder mais.

        Livro 5 estrelas, e SUPER recomendo (até mais do que isso, tipo, COMPRE AGORA e VA LER LOGO ESSA SÉRIE, PORQUE É MUITO BOAAAAAAA!!!!!!!!)

E é isso, espero que tenham gostado da resenha!
Beijos
Thayná.

3 comentários:

  1. que raiva eu nem li o primeiro ainda :(
    preciso muito ler! rs

    Tem post novinho lá no blog, passa lá depois !
    Beijos
    http://tamigarotaindecisa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nem comecei a série, mas só pq ainda não tenho os livros!!!
    Quero super ler! Depois de ler a resenha e a recomendação, estou me perguntando o q a série tem de tão boa!!! Detalhe: a capa é linda!!!!

    ResponderExcluir
  3. Oie!
    Não acompanho a série, e mesmo com tantos elogios, sei lá, não consigo sentir aqueeeela vontade de ler, sabe? :/

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo