Dark Divine - O Santo Perdido

07 agosto, 2012







A família Divine está desconsolada com o desaparecimento de Jude, o irmão mais velho de Grace. Por isso, ela sai em busca de dele por um caminho obscuro e cheio de surpresas, reunindo todas as pistas possíveis para reencontrá-lo. Em meio a esta perigosa procura pelo irmão, Grace conhece a Talbot, um homem cheio de mistérios que abalará seu romance com Daniel. Ela terá de ser forte e resistir ao mal contra a maldição do lobisomem. Agora ela terá que decidir entre o bem e o mal para se livrar da terrível maldição.








Grace está tendo novamente de lidar com o sumiço de um ente querido... Agora que Daniel está de volta, Jude, seu irmão mais velho, é quem está sumido. E Grace está decidida a encontrá-lo.
Enquanto quer encontrar Jude, Grace tem de lidar com seus novos poderes, pois, antes de fugir ele deixou sua marca nela: uma mordida, contaminando-a com a Maldição do Lobisomem. Pelo menos ter Daniel ao seu lado é de grande apoio, afinal ele teve de lidar com isso também e sabe como ajudá-la a resistir, o que requer grande esforço, pois o lobo está ali, sempre a espreita, pronto para dominá-la e levá-la a perdição, o que teme ter acontecido com Jude.
Mas alguma coisa vem acontecendo com Daniel, e ele não quer lhe contar o que é, o que acaba por afastá-lo e levá-la direto para Nathan Talbot, um misterioso garoto que sabe exatamente como Grace se sente, sabe o que ela quer e diz está disposto a tudo para ajudá-la, afinal ele, ao contrário de Daniel, não tem medo de forçá-la demais.

Novos personagens dão um novo gás a história, com Daniel misterioso como foi bom ver no primeiro livro e Grace sempre muito teimosa, mas é uma personagem forte, mesmo que alguns de seus erros sejam meio óbvios.
Essa maldição do lobo é o grande foco da história e o que mais me agrada no enredo, pois é diferente do que acontece em histórias com lobisomens e dá um novo enfoque, como uma nova teoria bem bolada e que causa certa tensão, já que qualquer deslize pode ser o suficiente para fazer o lobo dominar, o que não é nada bom.
Preferiria que a capa original tivesse sido mantida para a série, mas essa também ficou bem feita, assim como a diagramação! 

5 comentários:

  1. Maryzlane Sarah1:00:00 PM

    Capa linda, parece ser bom embora tennha que dizer que esse tema sobrenatural já tá passado né.

    ResponderExcluir
  2. Capa e nomes lindos, mas não me chamou atenção!

    ResponderExcluir
  3. A capa é bem interessante, mas o gênero no momento não me atrai tanto..

    ResponderExcluir
  4. a capa é legal, pena que o enredo nao me prendeu

    ResponderExcluir
  5. Caramba, a quanto tempo não leio um "suspense"?? Esse livro parece ser legal, gostaria de ter a oportunidade de ler. :)

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo