Infinito - Os Imortais #06

27 setembro, 2011

Atenção, contém spoiler dos outros livros da saga!
Não conferiu as resenhas anteriores? "Para Sempre" "Lua Azul" "Terra de Sombras" "Chama Negra" e "Estrela da Noite"




Após derrotarem seus inimigos mais temidos, Ever e Damen começam uma nova jornada para que ele se livre do veneno em seu corpo. Se encontrarem o antídoto, finalmente serão capazes de viver a paixão pela qual anseiam há séculos. A busca, porém, leva-os a um terreno desconhecido e pavoroso — as profundezas de Summerland. Lá, eles descobrirão a origem obscura e inimaginável de seu relacionamento e serão obrigados a encarar uma dolorosa verdade: o destino tem motivos para mantê-los separados. Agora, o futuro irá depender de uma única decisão, que poderá pôr em risco tudo o que eles têm. Inclusive a eternidade.

Finalmente é chegado o momento de encerrar a série, e quem sabe solucionar todos os problemas que envolvem Ever e Damen, que continuam na mesma situação: ainda não podem se tocar, qualquer contato de seus dna’s pode ser fatal, e com Roman e todas as esperanças de recuperarem o antídoto desfeitas, Damen e Ever passam a maior parte do tempo em Summerland, um lugar puro e lindo, onde voltam a suas vidas passadas, desfrutando dos toques através de suas vidas passadas.
Só que Summerland não está mais como sempre, algo ruim parece estar corroendo o paraíso, transformando parte dos belos gramados floridos em algo chuvoso e lamacento, onde magia não existe e ninguém quer se aproximar, mas para Ever é inevitável, algo a chama até lá, para descobrir que tem uma missão para cumprir com seu destino, sua sina a ser completa. Uma velha senhora pede que Ever ajude a ela e a muitos outros, levando Ever em uma jornada que a fará descobrir mais não só sobre suas vidas passadas, mas sobre a daqueles que a envolvem, mostrando que a sina que carregam foi criada há muitos anos, e que a interferência de Damen ao transformá-los em imortais acabou desviando os planos da natureza.
E cada desvio tem sua consequência, assim que é hora de tudo voltar aos eixos. O que a leva nessa jornada perigosa por regiões que não sabia existir, fazendo-a enfrentar alguns de seus medos, superar obstáculos para decifrar uma velha “canção” que a velha, chamada de Lótus, recitava a fim de atrai-la ao lado mais sombrio de Summerland.


Algumas coisas não mudam: Damen continua todo certinho, Jude ainda não desistiu cem por cento de Ever, Sabine não acredita no que está acontecendo com Ever, e Ever continua com o dom para escolher as coisas mais complicadas. Porém, nesse livro já sem a presença de Roman nem de Haven, acabou todo o draminha interno de Ever, deixando-a mais centrada e madura, vez ou outra dá uma derrapada, mas no sentido geral ela está bem melhor! Os capítulos foram rápidos de ler, várias coisas foram deixadas para acontecer nesse último livro. Acabou que esse último livro foi bem desenvolvido, a autora soube fechar todos os pontos, e dando um rumo para a história que eu, sinceramente, não imaginava que poderia acontecer!

5 comentários:

  1. Hey ^^

    Foi uma série qual parei em seu 4º volume e lendo sua resenha parece-me que ainda Ever continua uma chata, mesmo vc escrevendo sobre seu amadurecimento. Assim mesmo quero continuar com a série até para saber seu final.

    Xxx

    :: Loma

    ResponderExcluir
  2. Ta ai um livro que nunca me chamou a atenção, as capas são lindas e tals, mas não passa disso. :S

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Ja li toda a serie e tenho que dizer ! Eu amei ! Não me arrependo de ter lido esse livro ! Otima resenha ! Beijos !

    ResponderExcluir
  4. Comprei o primeiro livro, mas ainda vou demorar para terminar de ler essa série para opinar (=

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo