Glimmerglass - O encontro de dois mundos

12 julho, 2011

Sinopse: Dana Hathaway ainda não sabe, mas vai acabar se metendo em apuros quando decide que é a hora de fugir de casa para encontrar seu misterioso pai na cidade de Avalon: o único lugar na Terra onde o mundo real e o mágico se cruzam. No entanto, assim que Dana põe os pés em Avalon, tudo começa a dar errado, pois ela não é uma adolescente comum – ela é uma faeriewalker, um indivíduo raro que pode viajar entre os dois mundos e a única pessoa que pode levar magia ao mundo humano e tecnologia a cidade de Faerie. . Não demora muito e Dana envolve-se no jogo implacável da política do mundo da magia. Alguém está tentando matá-la, e todos parecem querer alguma coisa dela, desde seus novos amigos e da família até Ethan, o lindo garoto com poderes fantásticos com quem Dana acha que nunca terá uma chance… Até ter uma. Presa entre esses dois mundos, Dana não sabe bem onde se encaixa ou em quem pode confiar, muito menos se sua vida um dia voltará a ser normal.

Bom, de um lado meu, tem meus exercícios de cálculo, do outro tem meu Glimmerglass esperando pra ser resenhado... Qual eu escolho??? HAUHSUAHUSAS

Pois então, tudo começa com Dana, em uma apresentação de canto, em sua escola. Tudo ia bem, até sua mãe chegar. Sim, ela era sua mãe, mas naquele momento, somente naquele momento, desejava que ela não fosse. Sua mãe estava completamente embriagada, e, além de chegar atrasada, fez aquele barulho quando chegou, fazendo com que todos olhassem para ela. Dana cantou bem, e todos aplaudiram. E sim, inclusive sua mãe. Ao final de sua apresentação, achou melhor não ficar até o final, e resolveu levar sua mãe para casa. Pegou as chaves do carro, colocou sua mãe dentro dele, e saiu. Já tinha perdido as contas de quantas vezes teve que mentir por sua mãe, ou dirigir por ela, porque estava muito bêbada para tal façanha. Desde os cinco anos, aprendeu a “rebocar” sua mãe quando ela estava daquele estado, sair do avião, pegar suas malas, chamar um táxi, e ir para o hotel. Mas aquela era a gota d’água. Quantas vezes mais teriam que se mudar? Já havia perdido as contas de quantos lugares já havia morado, quanto amigos fez e se despediu que no final, nem se importava mais em fazer alguma amizade. E tudo isso para que? Para que seu pai não soubesse onde estava? Queria só uma vez, não ter mais a responsabilidade de cuidar da casa, administrar e pagar as contas, e tudo mais. Foi então que resolveu ligar para o seu pai. Era a primeira vez que falava com ele, e não tinha certeza se ele sabia de sua existência, mas resolveu acreditar que sim, pois seu pai era a única esperança de ter uma vida quase normal. Sim, quase normal porque ele morava em Avalon, era, segundo sua mãe, alguém de poder, e assim como herdara dele, tinha genes feéricos, o que estava relacionado, de um jeito ou de outro, com magia. Mas ela não podia estar mais errada quanto à vida normal que achava que teria.

Bom, depois desse resuminho básico, tenho que dizer gente, o livro é MUITOOO BOM! Confesso que achei o início dele meio monótono, mas tipo, só o início mesmo, como as 10 – 20 primeiras páginas, o que, depois de ter passado delas, a leitura voou. A cada vez mais que eu avançava na leitura, mais eu queria ler e saber o que acontecia. Sentia como se eu desconfiasse de todo mundo, seja da Tia Grace, do Ethan, e até do pai de Dana, mas, saber mesmo quem era o “inimigo” eu só fui saber mais pro final.

É o primeiro livro de fadas que eu leio, então não tem como eu comparar com outras histórias, mas pelo que deu a entender, as fadas não parecem ser criaturas tão boas quanto a ilusão de que temos de fadas, de um modo geral; o que deixa a leitura intrigante, interessante. É um livro gostoso de ler, de leitura fácil, e rápida, e que te prende na história. Enfim, um livro muito muito muito bom. Além disso, a capa é de tirar o fôlego, de tão bonita que ficou! Eu normalmente não coloco primeiro livro da série como must read, até porque tem muita história pra rolar pela frente, mas pelo gostinho que tivemos, parece que vai ser incrível! Então, 4.5 estrelas está bom, né? E super recomendo! :)

Beijooos :*
Thayná.

Parceria:

10 comentários:

  1. Olá!

    Ainda não li este livro, mas é um dos que mais quero. A capa é linda, a sinopse é uma graça e foge de tudo o que já se tenha visto. E com a sua resenha, o que posso dizer? Glimmerglass já é meu, hahaha!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Olá ,se quiserem participar da promoção no meu blog e ganhar marcadores entre no link.
    http://girlsebooks.blogspot.com/2011/07/promocao-marcadores-guardians.html

    Bejos

    ResponderExcluir
  3. Recomenda igual vc recomenda Fallen ou igual vc recomenda City of Bones?? hahaahahahahaha
    Resumindo: vc recomenda p/ mim? =P

    ResponderExcluir
  4. Nós todos aqui da editora estamos bem felizes com vcs curtindo esse livro! É um xodozinho meu, rs!! :)

    ResponderExcluir
  5. não sabia que era livro de fadas! Queria ler um assim, acho que vou colocar na listinha (tona né haha)

    ResponderExcluir
  6. Parece ser muito bom mesmo! Gostei muito da sinopse, parece valer a pena ;) E a capa é linda, né? precisa nem dizer.. huiaheuh :D
    Ótima resenha ;*

    bjs
    www.booksemporium.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. A cap e linda resenha fabulosa ja mi enteressei ! Eu quero esse livro na minha estante , parece ser um tipo de livro emocionante ! Quero ele em minha casa ! Beijos !

    ResponderExcluir
  8. Estou louca para ler esse livro, está tendo resenhas positivas quanto negativas, quero ler para ter minha propria opinião.

    ResponderExcluir
  9. A capa desse livro é linda demais, quero muito ler ele (=

    ResponderExcluir
  10. Capa liiiiiiiinda... sinopse, nem tanto.

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo