A Última Música

07 agosto, 2010


Verônica Miller teve sua vida virada de cabeça para baixo quando seus pais se divorciaram e seu pai se mudou de Nova Iorque para Wilmington Beach. Três anos depois, ela continua zangada e alienada em relação aos seus pais, especialmente seu pai... até que sua mãe decide que seria melhor para todo mundo se Ronnie e seu irmão, Jonah, passassem o verão em Wilmington Beach. O pai de Ronnie, pianista e ex-professor, vive uma vida tranquila na cidade de praia, imerso na criação de um vitral para a igreja local.
O conto se transforma em uma história inesquecível sobre o amor em suas diversas formas — o primeiro amor, o amor entre pai e filho — que mostra, de uma forma que só um romance de Nicholas Sparks é capaz, as diversas formas que um relacionamento pode quebrar nossos corações... e curá-los.


Eu mal terminei de ler o livro e cá estou, e primeiro de tudo, quem acha que Nicholas Sparks arrasa por ter escrito Querido John, há, ele arrasou muito mais nesse – acho que principalmente por ter abordado de uma maneira maravilhosa as diversas formas de amor, e sinceramente, o livro passa uma mensagem que realmente faz pensar.
Ronnie está sendo obrigada a passar o verão com o pai, depois de passar alguns anos sem nem falar com ele, e certamente ela não está nada contente com isso. Vestindo suas roupas escuras, sendo a típica garota de Nova York que adora sair, ir passar todo o verão em um pequeno lugar no sul, a beira do mar, certamente não era a ideia número um dela. Mas sua mãe faz questão de que ela e o irmão passem esse tempo junto ao pai, e Ronnie nunca poderia se preparar para o que poderia acontecer.
Ela chega cegada por seu rancor pelo pai ter ido embora há alguns anos, supostamente sem dar explicações; sente-se traída por isso, por não tê-lo mais por perto, por não compartilhar mais a música com ele. Por isso ela resolve que nunca mais vai tocar, e diferente do que imaginava, quando ela diz que não quer ver nunca mais um piano, seu pai não se opõe, e é nessas pequenas atitudes – em que ela sempre pensava que ele ia fazer tal coisa, e tandan, ele faz outra – que Ronnie começou a perceber o que havia perdido.
Levou tempo para se dar conta, precisou que outras pessoas entrassem em sua vida, que coisas saíssem errado, que ela não pudesse voltar para Nova York, precisou que Jonah continuasse sendo paciente e aturando a irmã mais velha; precisou principalmente que seu pai a aceitasse do modo como ela era, a adolescente que logo faria dezoito anos e não via a hora de ir embora.
Um dos primeiros pontos para o livro ser ótimo é a personalidade da Ronnie, ela é teimosa e amorosa, revoltada e carinhosa, uma mistura de cada uma das qualidades e defeitos de qualquer adolescente; deixem de lado essas mocinhas bobas e encantadas, que tudo que querem é um garoto perfeito e não pensam em nada que não seja fútil – apesar de algumas vezes Ronnie ser “cega” e você querer dar um empurrãozinho para que as coisas acelerem um pouco.
Ela tanto não acreditava em homens perfeitos, que quando Will surge a primeira coisa em seu pensamento é: “ele não faz o meu tipo, nem eu o dele”.
A história é um romance, e como tal não passa muito longe de certos clichês, mas mais uma vez o Nicholas deu voltas e voltas que fazem você ficar presa a história – faculdade que me desculpe, eu passei meu tempo foi lendo esse livro – querendo saber o que vai acontecer no final. Muitos pontos ficam claros desde cedo, fazendo o leitor já se direcionar para um possível final, mas o modo para chegar a esse final é que é encantador. E acima de tudo, as mensagens que cada linha contém...
Aproveitando que o dia dos pais está ai, eu acho que esse é o livro perfeito para ser lido nessa época, porque assim como qualquer pessoa comum, Ronnie tem sentimentos e frustrações a respeito de seu pai, fatos que uma vez estiveram claros e ela preferiu ignorá-los, levando-a a não dar mais bola para ele... Enquanto como todo bom pai, ele só esperava a oportunidade que ela fosse perdoá-lo e escutá-lo.
Como toda boa adolescente revoltada, Ronnie é cheia de si, e é preciso que tudo chegue ao ponto extremo para que ela se dê conta de quanto pode ter errado também nessa história pelo simples fato de olhar sempre para si...
Em muitos pontos eu aposto que a maioria de vocês vai conseguir se identificar com a personagem, e isso é bom porque também nos faz refletir, faz pensar em agir e consertar os erros antes que seja hora de voltar para casa, afinal nunca se sabe qual vai ser a próxima oportunidade.

Ps: a capa é bem romântica, mas Miley Cyrus pro papel de Ronnie? Não sei não. Quem não viu o filme ainda (tipo eu!) e vai ler o livro, acho que ela não encaixa muito ai não – pequeno detalhe. Ahm, e ler o livro só me deixou com mais vontade de ver o filme (mesmo sendo com ela).
Ps²: comentem que logo vai ter promoção do livro!
Ps³: é com esse livro que a gente comemora o primeiro enviado em parceria pela Editora Novo Conceito!

Espero que gostem!
Beijooos :*
Thays

31 comentários:

  1. Eu achei esse livro lindo demais *-* Adorei =D Ainda não tive a oportunidade de ler Querido John, então não posso dizer que seja melhor, mas que é muito bom - isso é!

    ResponderExcluir
  2. Fico no dilema: leio o livro ou assisto o filme?
    Pq eu sei q depois q eu fizer um deles, ja automaticamente exclui o proximo.
    Porem, o filme tem a Miley Syrus... gosto dela nao...
    Hahahahahaha, eu sou muito chata, como vcs me aturam!? =)

    ResponderExcluir
  3. Olá Thays! Postei hoje lá no blog a resenha desse livro também. Vi o filme hoje e realmente a Miley não combina muito com o papel de Ronnie, mas enfim, o livro é perfeito d+!! Me emocionei pra caramba e chorei horrores.. rsrsrs
    Se puder, passa lá no blog e lê a minha opinião também ok?

    Bjusss
    http://viciadospelaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Nanie, o Querido John tá aqui na minha estante mofando há algum tempo, mas sempre surge um livro pra substituir ele! :S Sério, sempre aparece ou algum livro pra resenha, ou pra faculdade, ou algum que o pessoal quer que eu resenhe, e ele vai ficando... Anyway, um dia ainda leio ele! :D E A Última Música tá aqui também, mas esse espero ler ainda esse ano! HAUSHUAHSUAS :)

    Livia, não gosto da Miley Cyrus também! HAUHSUAHSUHAUSAS Eu sinceramente leria primeiro o livro e depois assistiria o filme, só pra ficar colocando defeito! HAUHSUAHSUHAUSAS
    Não é chata não! :) Todo mundo tem suas manias meio doidas :)

    Michelle, daqui a pouco (lê-se amanhã), eu falo pra ela dar uma olhadinha sim! :D

    ResponderExcluir
  5. Nanie
    Querido John também é lindo, mas eu achei esse mais emocionante ^^
    Beijos

    Livia
    Lê o livro o//
    Ai você vai se dar cada vez mais conta que a Miley não é certa pro papel de Ronnie e desiste do filme HUAUHAHUSHUASUHAS
    Beijos

    Michelle
    Depois eu passo lá sim ^^
    Eu ainda não vi o filme, mas só lendo o livro já dá pra perceber que não tem a ver com a Miley!
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. comprei esse livro, comecei a ler e parei rsrs
    não que eu nao tenha gostado, mas como estava lendo antes de dormir e estou indo dormir já com mto sono, não continuei a leitura, mas quero ler logo *-*
    Parece ser tão fofo...

    ResponderExcluir
  7. AIN, quero muito ler esse livro! *_____*
    Já tenho meu exemplar aqui, mas tô pensando se vai dar pra ler durante a Bienal! :O

    Adorei a resenha *-*

    ResponderExcluir
  8. É lindo né? Entrou pra minha estante de preferidos.

    A Miley está bem no filme e olha que não gosto muito dela. Acho que é muito poser, querendo parecer o que não é. Também não ouço suas musicas, mas a do filme é linda.

    Tenho o filme em dvd, se quiser faço uma cópia e te mando por carta.

    bjs

    ResponderExcluir
  9. mila
    volta a ler logo HUASAHUSAUHSUHA
    é bem fofo sim ^^
    beijos.

    mari
    durante a bienal? '-' por que? acho que vai ser meio corrido...
    beijos.

    Diana
    sim *-*
    ahh manda sim! hihi. ainda não vi o filme e to louca pra ver a atuação dela, porque não sou nem um pouco fã da Miley u_u
    beijos.

    ResponderExcluir
  10. Ainda não li, mas fiquei ansiosa...... eu quero!!!

    ResponderExcluir
  11. nossa, tenho que ler o meu aqui, mas tá na lista! shaushaushauhsa
    adorei a resenha =DD

    ResponderExcluir
  12. Ai fala sério, Nicholas Sparks deve ser algum cavaleiro dos tempos medievais que perdeu sua amada em uma batalha contra algum rei ou inimigo poderoso e hoje faz esses livros mais perfeitos que fazem todo mundo chorar!!!
    :S
    Me disseram que o livro é lindo, não tem uma pessoa que ficou sem chorar!! Não vi o filme porque quero ler o livro primeiro... o mesmo com Querido John: dizem que é mara!!!!

    Ansiosa pra ler!!

    =*

    ResponderExcluir
  13. Eu vi o filme e o achei maravilho, lindo,muito emcionante. Na verdade, acho que é uma das melhores narrativas desse autor, pois fala do resgate de um relacionamento machucado e importante: pai e filha. A personagem principal é uma menina cheia de sofrimento e ao lngo do filme, vai descobrindo-se e amando... se abrindo para o mundo.

    Por isso, o filme e livro merecem serem vistos e lidos por todos os fãs de uma boa leitura.

    ResponderExcluir
  14. Também recebi esse livro, só não tive tempo para ler e resenhar (mas já resenhei Querido John XD)
    O Nicholas é um ótimo escritor! *-*
    Estou me apaixonando pelos livros dele e to sentindo que os filmes não estão sendo fiéis :S
    Pelo menos em Querido John o erro já começa com a cor do cabelo da protagonista ¬¬
    Enfim, gostei da sua resenha! Já estou com mais vontade ainda de ler A Última Música.

    ResponderExcluir
  15. Ai, o livro parece mto bom!misturando musica e tal XD
    bjoos

    ResponderExcluir
  16. Jssiquinha
    eu fiquei sem chorar '-'

    Daiane
    concordo em tudo!!!

    Lis
    Eu li os livros do Nicholas, mas ainda não vi o filme, então não digo nada sobre ser fiel
    Mas só de saber que a Miley interpreta a Ronnie, puts, achei nada a ver!

    Lari
    é muito bom mesmo ^^

    E meninas que não leram: leiam! :D
    beijos.

    ResponderExcluir
  17. terminei!! terminei!!!

    gostei bastante do livro e não chorei haha!! xD (quase rs)
    bem na metade da leitura me caiu a ficha do motivo da Ronnie e do Jonah irem passar as férias com o pai, e tava torcendo pra chegar logo na parte que conta isso e ver se eu tinha acertado ou não.

    também to doida pra ver o filme *-*

    e adorei a resenha =DD

    ResponderExcluir
  18. Nossa, esse livro realmente é maravilhoso!!! Me tornei fã de Nicholas Sparks sem ao menos ter lido um livro sequer!!!

    Quero muito começar a lê-los!!!

    =)

    ResponderExcluir
  19. mila
    comigo também foi assim 'hihi
    desde o início eu desconfiava que algum motivo tinha, já que a mãe dela insistiu e tal, ai não via a hora de descobrir tudo UHASHUAUSAUHSHU
    e não chorei também o//
    beijo

    jessica
    eu já era fã do Nicholas pelos filmes, porque são histórias lindas, a hora que você ler um livro dele, vai ser mais fã ainda!
    beijo

    ResponderExcluir
  20. eu particularmente amo o Nicholas Sparks, ele é sensacional, o Querido Jhon eu li da primeira a ultima pagina com um nó na gargantan e chorando.
    Bom, não li ainda, não sei como a Miley é diferente da personagem, mais no Querido Jhon a Savannah loira? Num da ne?

    Estou loooooouca pra ler esse livro, seria muito bom ganahr a promoção!
    :D

    ResponderExcluir
  21. Eu ainda não li esse livro, mas to morrendo de vontade. Cada vez que eu vejo os comentários.
    Amei essa resenha, foi a mais completa que eu vi, fiquei com mta vontade desse livro agora
    se eu nao ganhar eu vou comprar-lo comcerteza

    ResponderExcluir
  22. Todo mundo fala de querido Jonh, esse também não li... realmente é bom?

    ResponderExcluir
  23. Nayara Pereira8:41:00 PM

    Aiii gente, todo mundo flando mal da Miley aki #credo =/ Eu gosto dela e assisti o filme mais por causa dela :P hahahahaha MAS a história é MUITO lindaa e to doida qrendo ler o livrooo!!! Participando da promo no ÚLTIMO dia, mas to tentando neah? qm sabe *-*

    ResponderExcluir
  24. Ah, eu amo esse livro...
    Amo mesmo...
    É um dos meus tesouros...
    A historia é super perfeita...
    Ah, e concordo, o Nicholas arrasou bem mais nesse livro do que em Querido John...
    Bjs.

    ResponderExcluir
  25. Virginia de Oliveira1:25:00 AM

    Eu chorei muito lendo o livro e também assistindo o filme, a história é linda, a Miley foi bem no filme, gostei muito da atuação dela. Concordo com você Nicholas Sparks arrasou e não só com a história mais também com o meu coração.
    Os livros dele são fabulosos e A última música não fica atrás, ele é demais.

    ResponderExcluir
  26. parece um daqueles livros que faz a gente chorar, como todos os do sparks rs ele escreve historias "tristes" mas muito tocantes. parece muito bom o livro!

    ResponderExcluir
  27. Eu ja assisti esse filme baseado no livro ! Muito bom livro , o filme me fez chorar mas ainda não tive oportunidade de ler o livro ! Que pena ! Ameia resenha ! Beijos !

    ResponderExcluir
  28. Como eu já disse, não curto romances, mas sei lá, posso ler qalqer dia ae õ/
    É a Miley Cyrus na capa ou eu ando bebendo? HUAHAUHUA

    ResponderExcluir
  29. Ameei demais o livro,o nicholas sempre sabe transformar um clichê em uma linda lição de vida.

    ResponderExcluir
  30. AHHHHHHH...Esse livro é tão lindo...e muito triste...mesmo assim é fantastico...Amei muito ele

    xoxo

    ResponderExcluir
  31. acabei de ler ele, é uma das historias mais lindas que eu ja li, um amor sem limites eu amei!

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo