Feios

11 junho, 2010


Tally está prestes a completar 16 anos, e ela mal pode esperar. Não por sua carteira de motorista – mas para se tornar bonita. No mundo de Tally, seu aniversário de 16 anos traz uma operação que torna você de uma horripilante pessoa feia para uma maravilhosa pessoa linda e te leva para um paraíso de alta tecnologia onde seu único trabalho é se divertir muito. Em apenas algumas semanas Tally estará lá.
Mas a nova amiga de Tally, Shay, não tem certeza se ela quer ser bonita. Ela prefere arriscar sua vida do lado de fora. Quando ela foge, Tally aprende sobre um lado totalmente novo do mundo dos bonitos – que não é tão bonito assim. As autoridades oferecem a Tally sua pior escolha: encontrar sua amiga e a entregar, ou nunca se transformar em uma pessoa bonita. A escolha de Tally faz sua vida mudar pra sempre.


Feios é uma história que se passa daqui a alguns séculos, quando a tecnologia já tomou conta de tudo e ser perfeito é o que importa. Bem vindo a Vila Feia e a Nova Perfeição, e consequentemente a todo um novo mundo.
Esse é um livro que relata um futuro onde tudo tem regras e está predestinado, em um lugar os jovens até os dezesseis anos são chamados de feios, e habitam a Vila Feia, onde tem aulas e podem aprontar o que lhes der na telha – desde que fiquem distantes de Nova Perfeição – afinal assim que o 16º aniversário chega, como “presente” dos superiores, todos recebem uma cirurgia para se tornarem perfeitos, na qual corrigem qualquer pequeno detalhe que o afaste do critério de perfeição desde sua altura, porque eles podem te tornar mais alto, ou mais baixo; incluindo peso, fazendo com que não aja problemas de anorexia nem obesidade; e qualquer marca que você possa ter.
Durante os anos antes da cirurgia, todos ouvem histórias como é ser um perfeito, e o futuro lhes parece definido: vão fazer a cirurgia e se mudar para a Nova Perfeição, para viverem uma vida regada a festas e companhia de pessoas perfeitas.
É assim que todos são instruídos a pensar, inclusive Tally Yooungblood. E para todos isso parece decidido, assim como Tally achava que também estava, até a situação mudar.
Eterna amiga de Peris, depois que ele sofre a cirurgia e se muda para Nova Perfeição, Tally decide que tem de vê-lo, e isso é apenas o início do que ela pode fazer. Mas é na volta que ela se depara com Shay, uma garota com mente um pouco mais rebelde que não cedeu as instruções dos perfeitos, e para perplexidade de Tally, Shay não quer se tornar perfeita.
É assim que Tally passa a ouvir sobre outros lugares, onde pessoas se escondem para não realizarem a cirurgia, e que não é tudo automático como na Vila Feia, nem há tudo a sua disposição, e a menção desses supostos lugares não agrada Tally no mais mínimo, no entanto Shay parece decidida a partir de Vila Feia antes de completar dezesseis anos, e põe na cabeça que Tally deve acompanhá-la.
Mas como Tally poderia ir contra tudo que havia sido ensinada e instruída, e lutar contra o destino que os perfeitos já lhe haviam descrito? Não. Para ela isso está fora de cogitação. Só que então Tally vai perceber que nem sempre tudo ocorre do modo que se foi planejado...
Shay parte para algum lugar distante, conhecido como Fumaça, onde um bando de feios se escondem para não terem de passar pela cirurgia; e depois de sua partida, por algum motivo os perfeitos mais habilidosos querem encontrá-la, e é onde Tally entra.
A base da chantagem, a Dra. Cable – uma perfeita com qualidades modificadas, tornando-a uma das “Especiais” – oferece a Tally duas opções: trazer Shay de volta ou nunca se tornar perfeita.
Baseado no que sempre lhe foi ensinado, a princípio Tally pensa que pode ser uma alternativa fácil, só trazê-la de volta e indicar onde fica a fumaça, mas conforme os dias vão passando Tally passa a conhecer novos lugares, saber sobre outras pessoas e como a “inicial” raça humana foi extinguida, até dar-se conta de que os perfeitos nunca abriram todo o jogo, e que por trás da transformação há muito mais do que qualquer um poderia imaginar.
Então sua decisão já não está mais clara. Deve mesmo voltar e ser uma perfeita, deixando para trás toda essa nova vida e traindo as pessoas que acaba de conhecer, ou Tally deve permanecer lá, no lado que lhe parece correto?

Em primeiro lugar, o desfecho desse livro me surpreendeu até certo ponto, porém a partir de certo ponto os acontecimentos passam a se tornarem previsíveis e óbvios, o que eu não considero um bom ponto para um livro.
No entanto, tenho que tirar o chapéu para a criatividade do Scott Westerfeld, porque o universo que ele nos apresenta com esse livro é algo que só alguém muito criativo poderia formar, trazendo o futuro de uma forma totalmente diferente, onde nada mais é sustentado a base de petróleo, e a poluição já não é um grande problema, assim como trânsito e todas as loucuras com que temos que conviver hoje em dia; e imaginar um mundo assim acaba tornando divertida a leitura.
Imaginem, nesse “futuro” nem precisaríamos mais escovar os dentes, porque há uma espécie de cápsula que faz isso – eu achei bizarro, mas tá.
No geral eu não consideraria esse o melhor livro que já adquiri, mas a leitura dele pode se tornar uma boa distração, e a história por ser diferente de qualquer outra que, pelo menos eu, já tenha lido se tornar um forte ponto a favor.
Resumindo, estou em cima do muro. Há.
Mas ok. RECOMENDO SIM. Até porque tenho que dizer que a escrita é boa, e não é aquela coisa fraquinha que parece meia boca, pelo contrário, o que me faz achar o Scott um cara bem talentoso, hm.
E tem continuação, uhul, e o final te dá muita vontade de ter o próximo em mãos – o que eu também acho que é um ponto a favor do livro.
Leiam ok? Vai valer o seu tempo.
E quem já leu, espero saber o que achou!

12 comentários:

  1. Eu consegui ler Uglies ate o final. Em Pretties eu nao consegui passar do cap 2. =S

    ResponderExcluir
  2. o meu chegou hoje!! *-* estou super empolgada pra ler :D

    ResponderExcluir
  3. Quero ler! O problema é que tenho tanto livro pra ler que vai demorar até conseguir este!

    ResponderExcluir
  4. Eu adorei esse livro e mal aguento esperar o próximo *_*
    Adorei o desenrolar da história e da crítica ao mundo atual que o autor faz.

    ^^

    ResponderExcluir
  5. Pois é Mariana, a crítica que ele faz eu achei muito boa!
    mas a história não me atraiu tantoooo assim não, tanto que levei um tempo pra terminar de ler, hm.

    ResponderExcluir
  6. Livia você acabou com as minhas ilusões de que a continuação seria melhor HAUSHASHASUHA

    Diana e Nanda
    boa leitura ^^

    ResponderExcluir
  7. Olha... pela sua resenha me pareceu que não é muito legal. Acho que faltou abordar a questão do sexo. Como os feios fazem sexo? Será que eles também são atraentes, apesar de serem feios? Sei lá, não me causou muito interesse. Acho que não vou ler.

    ResponderExcluir
  8. Assim, como todos só são feios até os 16 anos, deu a entender que não tem essa questão de sexualidade na adolescência, sabe? porque todos estão sempre sendo "instruidos" a verem apenas o que há de feio nas pessoas e que será melhorado depois da cirurgia, então eles não se relacionam entre si como feios por não serem atraentes nem se julgarem atraentes há outras pessoas.

    Assim, eu achei que por toda questão futuristica que o autor aborda, e como ele supõe que a nossa geração vai se exterminar e tudo mais, isso tornou do livro uma história interessante, que vale a pena.
    Mas realmente não é O melhor livro! Sendo sincera. Então se você não se sente muito empolgado para ler, acho melhor repensar porque além de tudo vai se tornar uma leitura maçante.
    Então pegue algum livro que realmente lhe interessa
    :)

    espero ter respondido certo, se não fale que eu eu tento de novo.

    ResponderExcluir
  9. A capa é bonitinha ! A historia parece ser bem legal ! ta ok fvou ler essa serie gando tiver meu dinheirinho vou comprar pra mim ler ! Beijos ! valeu a dica !

    ResponderExcluir
  10. Tá todo mundo falando dessa série ae, preciso ler urgentemente! AHUAUAHUA

    ResponderExcluir
  11. Não é o tipo de livro que eu curto :/

    ResponderExcluir
  12. Gosto muito desse livro apesar dele me deixar muito ansiosa as coisas podem demorar um pouco para acontecer...

    xoxo

    ResponderExcluir

Comentários e elogios são sempre bem-vindos. Críticas são construtivas, agora, insultos e xingamentos são falta de respeito.
Desde já, obrigada pra quem comenta.

© Coisas da Amanda Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo